Boletim Focus: projeção de inflação sobe para 2023, 2024, 2025 e 2026; estimativa de PIB avança

Expectativa de IPCA neste ano subiu de 5,79% para 5,89%, na 10ª alta seguida; projeção para o PIB de 2023 subiu de 0,76% para 0,80%

Roberto de Lira

Logo do Banco Central na fachada da sede (Marcello Casal Jr/Agência Brasil)

Publicidade

As projeções de inflação para 2023, 2024, 2025 e 2026 foram mantidas em alta pelo analistas do mercado financeiro nesta semana, de acordo com dados divulgados nesta quarta-feira (22) no Relatório Focus, do Banco Central. A expectativa para o Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) para este ano subiu de 5,79% para 5,89%, na 10ª alta seguida.

A projeção de inflação oficial de 2024 também avançou, de 4,0 para 4,02% (quinta semana seguida de elevação), enquanto a de 2025 subiu de 3,60% para 3,78% e a de 2026 avançou de 3,50% para 3,70%.

Especificamente para os preços administrados, a projeção do IPCA também manteve a expectativa de alta na semana, passando de 8,53% para 9,01, na 12ª semana de alta. Há um mês, a projeção estava em 7,25%. Para 2024, subiu de 4,29% para 4,39%. A de 2025 avançou de 3,67% para 3,94% e a de 2026 foi de 3,50% para 3,96%.

Continua depois da publicidade

A projeção para o Produto Interno Bruto (PIB) de 2023 subiu de 0,76% para 0,80%, a de 2024 foi mantida em 1,50%, mas a de 2025 recuou de 1,85% para 1,80%. A de 2026 continuou em 2,0%.

A previsão da taxa de juros básica da economia brasileira (Selic) foi mantida em 12,75% em 2023, enquanto a de 2024 permaneceu em 10,0%. A de 2025 foi mantida em 9,0%, mas a de 2026 subiu de 8,50% pata 8,75%.