BCE não vai baixar a guarda até retornar a inflação à meta de 2%, diz Lagarde

Em mensagem de final de ano, presidente do BCE lembra que a economia global enfrentou em 2023 riscos de fragmentação, crescente incerteza e graves fissuras geopolíticas

Estadão Conteúdo

Christine Lagarde, presidente do BCE

Publicidade

A presidente do Banco Central Europeu (BCE), Christine Lagarde, reforçou o compromisso “absoluto” da instituição em reduzir a inflação na zona do euro à meta de 2%. “Deixei claro que não vamos baixar a guarda até termos certeza de que alcançamos exatamente isso”, afirmou, em vídeo publicado no X (antigo Twitter).

Em retrospectiva sobre 2023, Lagarde lembrou que o ano foi marcado por vários desafios e contínuas mudanças.

Segundo ela, a economia global enfrentou riscos de fragmentação, crescente incerteza e graves fissuras geopolíticas.

Masterclass

As Ações mais Promissoras da Bolsa

Baixe uma lista de 10 ações de Small Caps que, na opinião dos especialistas, possuem potencial de valorização para os próximos meses e anos, e assista a uma aula gratuita

E-mail inválido!

Ao informar os dados, você concorda com a nossa Política de Privacidade.

“Enquanto isso, a crise climática está acelerando, lembrando-nos da necessidade e do imperativo de uma transição verde”, disse Lagarde.