BC da África do Sul decide manter taxa básica de juros em 8,25%

Ao mesmo tempo, advertiu que continuam a existir "riscos sérios de alta para a perspectiva de inflação".

Estadão Conteúdo

Bandeira da África do Sul (Foto: Wikimedia Commons_

Publicidade

O Banco Central da África do Sul decidiu nesta quinta-feira, 23, manter a taxa básica de juros em 8,25%, em decisão unânime. No comunicado, a instituição diz que, no nível atual, a política monetária está restritiva, consistente com a perspectiva de inflação e as “elevadas expectativas de inflação”. Ao mesmo tempo, adverte que continuam a existir “riscos sérios de alta para a perspectiva de inflação”.

Diante desses riscos, o conselho diz que está atento e pronto a agir, caso riscos comecem a se materializar. “As decisões continuarão a ser dependentes dos dados e sensíveis ao balanço de riscos à perspectiva”, afirma o comunicado.

Sobre a inflação, diz que ela segue sensível a choques potenciais, e menciona que os preços do petróleo ainda avançam neste ano.

Masterclass

As Ações mais Promissoras da Bolsa

Baixe uma lista de 10 ações de Small Caps que, na opinião dos especialistas, possuem potencial de valorização para os próximos meses e anos, e assista a uma aula gratuita

E-mail inválido!

Ao informar os dados, você concorda com a nossa Política de Privacidade.

O BC sul-africano diz que pretende olhar para além de choques temporários, com foco em efeitos potenciais posteriores e no risco de que as expectativas de inflação sofram desancoragem. Também aponta que vê os riscos ao crescimento no médio prazo como equilibrados.