Reação ao coronavírus

Bank of England corta juros para 0,1% e lança novo programa de compra de títulos após nova reunião extraordinária

O movimento segue os passos de vários outros BCs pelo mundo, com muitos tomando medidas ousadas a fim de atenuar o impacto da pandemia de coronavírus

Aprenda a investir na bolsa

SÃO PAULO  – Em reunião extraordinária nesta quinta-feira (19), o Bank of England reduziu a taxa de juro de 0,25% para 0,1% e aumentou seu programa de compra de títulos.

A última reunião do BoE tinha acontecido em 11 de março (também extraordinária), quando a autoridade monetária já havia cortado a taxa de juros de 0,5% para 0,25%.

O BoE aumentou ainda o programa de compra de títulos para 645 bilhões de libras, um aumento de 200 bilhões de libras. A autoridade monetária destacou que a maior parte das compras adicionais de ativos será composta por títulos do governo do Reino Unido.

Aprenda a investir na bolsa

O movimento segue os passos de vários outros bancos centrais em todo o mundo, com muitos tomando medidas ousadas para aumentar suas medidas de estímulo a fim de atenuar o impacto econômico da pandemia de coronavírus.

Vale destacar que o o governo do Reino Unido anunciou na tarde de terça-feira que disponibilizará 330 bilhões de libras em empréstimos “garantidos” às empresas – montante que representa 15% do Produto Interno Bruto (PIB) britânico – como forma de mitigar os impactos econômicos da doença.

Além disso, também lançou um programa de concessão de 20 bilhões de libras em isenção de impostos e subsídios a empresas. Cada uma delas poderá receber até 25 mil libras, a depender de seu tamanho. Um pacote de apoio às empresas aéreas também está em estudo.

Até o momento, há 2.644 casos de coronavírus no Reino Unido, com 104 mortes, segundo dados da John Hopkins University.

Aproveite as oportunidades para fazer seu dinheiro render mais: abra uma conta na Clear com taxa ZERO para corretagem de ações!

 

PUBLICIDADE