Ata do Fomc mostra concordância em proceder com cautela e cita crescimento forte da economia no 3° tri

Para o Comitê, a inflação dos preços ao consumidor permanece elevada, embora continue a mostrar sinais de abrandamento

Roberto de Lira

Sede do Federal Reserve (Fed, o Banco Central dos EUA) (Nathan Howard/Bloomberg)

Publicidade

A ata da última reunião do Comitê de Mercado Aberto (Fomc, na sigla em inglês), do Federal Reserve, apontou que todo os participantes concordaram que estavam em posição de proceder com “cautela”. Segundo o documento, a economia dos Estados Unidos se expandiu em ritmo forte no terceiro trimestre e as condições do mercado de trabalho permaneceram restritivas, com a continuação de fortes ganhos de emprego e uma baixa taxa de desemprego.

Enquanto isso, a inflação dos preços ao consumidor permaneceu elevada, embora continue a mostrar sinais de abrandamento

Ao definir que os juros seriam mantidos na banda entre 5,25% e 5,5% na reunião de 10 de novembro, o Fomc comentou que a orientação seria adequada à política monetária  e os diretores continuariam a monitorar as implicações das informações recebidas para as perspectivas econômicas.

Masterclass

As Ações mais Promissoras da Bolsa

Baixe uma lista de 10 ações de Small Caps que, na opinião dos especialistas, possuem potencial de valorização para os próximos meses e anos, e assista a uma aula gratuita

E-mail inválido!

Ao informar os dados, você concorda com a nossa Política de Privacidade.

Segundo a Ata, ele estariam preparados para ajustar a orientação da política monetária conforme apropriado caso surjam riscos que possam impedir a consecução dos objetivos do Comitê. “Os membros também concordaram que as suas avaliações levariam em conta uma ampla gama de informações, incluindo leituras sobre as condições do mercado de trabalho, pressões inflacionárias e expectativas de inflação, e desenvolvimentos financeiros e internacionais.”

Na análise sobre a evolução dos mercados financeiros durante o período entre as reuniões de setembro e novembro, os diretores do Fomc avaliaram que as condições financeiras continuaram a  ficar mais restritivas, impulsionadas por rendimentos mais elevados dos títulos do Tesouro, bem como pelos preços mais baixos das ações, além de um dólar mais forte. Esse movimento refletiu, segundo o documento, em parte, às taxas de juro mais elevadas.

“O aumento desde julho nos rendimentos dos títulos do Tesouro de prazos mais longos foi atribuído principalmente aos aumentos nas taxas reais. Houve pequenos aumentos na compensação da inflação, mas os níveis das taxas à vista e a termo ficaram dentro dos intervalos históricos.”

Continua depois da publicidade

A análise da equipe e as respostas de pesquisa, diz a ata, sugeriram que a maior parte do aumento desde julho no rendimento nominal dos títulos de 10 anos pode ser atribuída a um prêmio de prazo mais elevado, embora expectativas de política mais altas em prazos de horizontes mais longos também possam ter desempenhado um papel.

Emprego

Sobre a situação econômica no país, a ata comenta que a demanda e a oferta de trabalho estavam evoluindo para um melhor alinhamento e que a redução dos desequilíbrios no mercado de trabalho foi evidente nos dados salariais, com as variações de 12 meses nos rendimentos médios por hora e no índice de custos do emprego abaixo dos níveis do ano anterior.

“Embora o emprego total não-agrícola tenha aumentado a um ritmo mais rápido em setembro do que nos meses anteriores, a taxa de desemprego manteve-se inalterada em 3,8%; a taxa de participação da população ativa e a relação emprego/população também se mantiveram inalterados em setembro. A taxa de desemprego dos afro-americanos aumentou, enquanto a taxa de desemprego dos hispânicos diminuiu; ambas as taxas foram superiores à média nacional.”, diz o documento.

Inflação

A inflação dos preços ao consumidor permaneceu elevada, segundo o Comitê, mas continuou a mostrar sinais de abrandamento. O índice de preços para o total das despesas de consumo pessoal (PCE) aumentou 3,4% nos 12 meses até setembro, enquanto a inflação subjacente dos preços do PCE, que exclui alterações nos preços da energia e em muitos preços dos produtos alimentares, foi de 3,7% durante o mesmo período.

“Tanto a inflação total como a subjacente dos preços do PCE ficaram bem abaixo dos níveis do ano anterior. A média aparada da inflação dos preços do PCE de 12 meses construída pelo Federal Reserve Bank de Dallas foi de 3,8% em setembro, também abaixo do nível registado há um ano”, comenta a ata.

As medidas obtidas nas pesquisas sobre expectativas de inflação no curto prazo dos consumidores, segundo o Fomc, permaneceram acima dos níveis anteriores à pandemia. Em contraste, as medidas das pesquisa sobre as expectativas de inflação a médio e longo prazo permaneceram no intervalo observado na década anterior à pandemia.

PIB

De acordo com a estimativa antecipada, o PIB real registou um forte ganho no terceiro trimestre, destacou o Fomc. “As compras finais internas privadas, que incluem PCE e investimento fixo privado e que muitas vezes fornecem um sinal melhor do que o PIB do dinamismo econômico subjacente, registaram um aumento menor, mas ainda sólido”, diz o documento.

Já as exportações e as importações reais de bens e serviços cresceram a um ritmo robusto no terceiro trimestre, depois de terem caído acentuadamente no segundo trimestre, refletindo uma força generalizada em todas as categorias. “As exportações líquidas deram uma contribuição ligeiramente negativa para o crescimento do PIB dos EUA no terceiro trimestre, enquanto o déficit comercial nominal diminuiu ligeiramente.”

Cenário externo

O crescimento econômico no exterior permaneceu moderado no terceiro trimestre, comentou o Fomc. A contenção da política monetária pesou sobre a atividade no exterior, especialmente na Europa, onde o crescimento do PIB da zona do euro registou um pequeno declínio e a última pesquisa do Banco Central Europeu sobre empréstimos apontou para uma contração do crédito.

Ainda segundo o documento, embora o crescimento do PIB na China tenha melhorado no terceiro trimestre, apoiado por um aumento na produção industrial, as vendas do varejo chinês continuaram a ser prejudicadas pela baixa confiança dos consumidores e pela fraqueza no sector imobiliário residencial.

O Fomc cita ainda que a inflação no exterior permaneceu elevada. “Embora a inflação subjacente tenha continuado a diminuir num contexto de abrandamento da demanda agregada, a inflação dos preços da energia aumentou em muitas economias estrangeiras. Com a inflação ainda elevada, a maioria dos principais bancos centrais estrangeiros, embora mantendo as suas taxas diretoras inalteradas, indicaram a sua intenção de manter estas taxas em níveis suficientemente restritivos para trazer a inflação de volta às metas.”

Efeitos da política monetária

Para os participantes do Fomc, a atual orientação da política monetária é restritiva e está exercendo pressão descendente sobre a atividade econômica e a inflação. Além disso, ele observaram na ata que as condições financeiras se tornaram significativamente mais restritivas nos últimos meses.

Os participantes observaram que a inflação moderou durante o ano passado, mas sublinharam que a inflação atual permaneceu inaceitavelmente elevada e bem acima do objetivo de longo prazo do Comitê, de 2% ao ano. Assim, eles salientaram que seriam necessárias mais provas para terem certeza de que a inflação estava claramente no caminho para a meta.

“Os participantes continuaram a considerar que um período de crescimento abaixo do potencial do PIB real e algum abrandamento adicional nas condições do mercado de trabalho seriam provavelmente necessários para reduzir as pressões inflacionárias o suficiente para devolver a inflação a 2% por cento ao longo do tempo.”

Alguns participantes observaram na reunião que as condições financeiras e de crédito mais restritivas poderiam ser particularmente desafiadoras para as pequenas empresas. E alguns participantes observaram ainda que as taxas de juro mais elevadas também estavam afetando o setor agrícola, visto os elevados custos de financiamento provavelmente pesavam nas compras de equipamento agrícola pesado.

Sobre o setor energético, alguns participantes observaram que os mercados energéticos se acalmaram após uma volatilidade significativa no início do atual conflito armado entre Israel e o Hamas.