RADAR INFOMONEY Programa desta sexta fala das ações que mais pagam dividendos - aqui e lá fora; assista

Programa desta sexta fala das ações que mais pagam dividendos - aqui e lá fora; assista

Schulz (SHUL3)

SCHULZ ON

error_outline Atualizado às 11h31. Delay 15 min
arrow_upward

23,04

+499.94%

23,04

23,04

4.608,00

Fechamento anterior 3,84
Negócios 1
VolumeR$ 4608
Mín — Máx (Dia) 23,04 - 23,04
Variação (Dia) +499.94%
Variação (Mês) +312.89%
Variação (2021) +312.89%
Variação (52 semanas) +312.89%

Invista com taxa Zero

Sobre Schulz

Sigla: SHUL3

Tipo: Ações

Setor: Industrial

Receita Líquida R$ 1,18 B
Lucro Líquido (LL) R$ 153,63 M
Margem Líquida 12.94%
Ebitda R$ 209,88 M
Margem Ebitda 17.68%
Ativo Total R$ 1,92 B
Dívida Bruta R$ 806,74 M
Dívida Líquida R$ 335,39 M
Patrimônio Líquido (PL) R$ 772,97 M
Retorno sobre o PL (ROE) +19.87%
Retorno sobre o Capital (ROIC) +6.95%

A Schulz S.A. é uma empresa brasileira do setor metalúrgico. Inicialmente focada na fabricação de compressores de ar,  ela também produz filtros, ferramentas e secadores . As linhas de produtos da empresa são voltadas tanto para a industria quanto para o consumidor residencial.

As exportações têm grande peso na empresa, uma vez que ela comercializa seus produtos para cerca de 70 países. A Schulz tem filiais em Frankfurt (Alemanha), e Atlanta (Estados Unidos). Também possui depósitos alfandegados na Europa e Estados Unidos e uma unidade em Xangai (China)

Internamente, a empresa trabalha com duas divisões: uma de compressores e outra de automotivos. A linha automotiva fornece componentes para o mercado global de veículos comerciais pesados. Também supre o mercado de máquinas e implementos agrícolas, além de equipamentos de construção.

A Schulz tem sua matriz em Joinville (SC), cidade na qual foi criada em 1963. Seu primeiro produto foi um torno de bancada. Em 1972 a empresa começou a fabricar compressores de ar. Na década de 1980 já se tornava líder do setor na América Latina.

Em 1994 a empresa abriu capital e adquiriu o controle da Tecnomecânica, que também produzia compressores. Em 1999 a empresa inaugurou a Schulz of America, nos Estados Unidos.

A empresa abriu seu escritório de representação na China em 2010. Em 2017 abriu uma fábrica de compressores no país asiático.

A Schulz está listada na B3 com ações ordinárias (SHUL3) e preferenciais. (SHUL4) A empresa também está no mercado fracionado (SHUL3F e SHUL4F).

Seja sócio das melhores empresas da Bolsa: abra uma conta na XP Investimentos – é grátis!

Dados complementares fornecidos pela

Com dinheiro