EXPERT 2020 AO VIVO Diego Barreto, do iFood, responde quais mudanças trazidas pela pandemia no delivery vieram para ficar

Diego Barreto, do iFood, responde quais mudanças trazidas pela pandemia no delivery vieram para ficar

MDiasBranco MDIA3F

M.DIASBRANCOON NM

error_outline Atualizado às 00h00. Delay 15 min
arrow_downward

41,22

NAN%

41,22

41,22

0,00

Fechamento anterior 41,22
Abertura 41,22
Negócios 0,00
Quantidade 0,00
Volume
Mín — Máx (Dia) 41,22 - 41,22
Variação (Dia) NAN%
Variação (Mês) +4.34%
Variação (2020) +7.39%
Variação (52 semanas) +3.59%

Invista com taxa Zero

Sigla: MDIA3F

Tipo: AÇÕES

A M. Dias Branco S.A. Indústria e Comércio de Alimentos é uma empresa da indústria de alimentos. Ela é dona de 11 marcas, entre elas Adria, Vitarella, Piraquê, Finna, e Bonsabor. O portfólio de produtos inclui biscoitos, massas, farinhas e farelo de trigo. Também atua com misturas para bolos, margarinas e cremes vegetais, bolos prontos, snacks de milho e de trigo. Ela ainda produz torradas, biscoitos de chocolate, bits de cereais e refresco em pó.

Ao todo, a companhia possui 15 unidades industriais e 38 unidades de comercialização e distribuição. Apenas no mercado de biscoitos brasileiro, detinha 34% do marketshare em 2018. No mercado de massas detinha 36% de marketshare no mesmo ano.

Em 2018 a empresa teve receita líquida de R$ 6 bilhões e Ebitda de R$ 933 milhões. Em 2017 a receita líquida foi de R$ 5,4 bilhões e Ebitda de R$ 966 milhões.

O início das atividades da M. Dias Branco se deu em 1940, como uma padaria, no estado do Ceará. A produção em escala industrial foi começou a partir de 1953.

Na década de 1960 a empresa começou a desenvolver seu atual modelo de distribuição pulverizado, voltado ao micro, pequeno e médio varejo. Com a expansão dos negócios, uma nova sede foi inaugurada em 1980.

Em 1992 foi inaugurada a primeira unidade de moagem de trigo. Em 2000 foi inaugurado o segundo moinho de trigo, no Rio Grande do Norte. Buscando maior verticalização de insumos e ingresso em novos segmentos, em 2002 foi inaugurada uma unidade de produção de gorduras, margarinas e cremes vegetais.

Em 2003 foi inaugurado o terceiro moinho de trigo, na Bahia. Em 2005 inaugurou uma fábrica integrada ao moinho da Bahia. Outra unidade no mesmo modelo integrado foi inaugurada na Paraíba.

Em 2006 a companhia passou a ter a denominação atual e realizou sua abertura de capital. As ações passaram a ser negociadas no segmento do Novo Mercado (MDIA3). A empresa também está no mercado fracionado (MDIA3F).

Em 2008 adquiriu a Alimentos Bomgosto Ltda. Em 2011 realizou a aquisição da Indústria de Alimentos Bomgosto Ltda. (Vitarella). Em 2015 entraram em operação dois novos moinhos de trigo. Em 2018 a companhia adquiriu a Indústria de Produtos Alimentícios Piraquê.

Seja sócio das melhores empresas da Bolsa: abra uma conta na XP Investimentos – é grátis!