Em conteudo-educacional

Contrariando senso comum da Bolsa, analista bate meta em minutos na abertura

Conheça a metodologia que fez Rodrigo Cohen bater a meta do dia em day trade em minutos

SÃO PAULO - O senso comum do mercado financeiro diz que iniciantes operam na abertura, enquanto os experientes deixam para o fechamento. Mas Rodrigo Cohen, analista da Rico Investimentos, não só discorda como defende que as melhores oportunidades se concentram nos primeiros minutos do mercado. “É quando o dinheiro entra”, justifica.

Na última semana o mercado comprovou duas vezes que sua tese está correta, quando Cohen e seus seguidores bateram a meta às 9h02, na segunda-feira (23) e às 9h01, na sexta (27). Assista abaixo: 

No programa Ponto a Ponto, de segunda-feira, 27 de julho, Cohen e seguidores bateram a meta em 1 minuto

Os calls do analista foram realizados no programa Ponto a Ponto, que ele conduz em seu canal no YouTube, e foram acompanhados por cerca de 2.000 seguidores. Todas as recomendações também estão registradas na Apimec, entidade que regula a atividade dos analistas de investimento.

A metodologia de Cohen leva em conta uma série de técnicas e indicadores. Um dos segredos é o uso do Fibonacci Avançado, que traz muita precisão à análise, e do gráfico Renko, que, diferentemente dos candles, revela uma visão atemporal dos acontecimentos.

“Quando você se baseia somente na mudança de preços, sua forma de operar pode mudar muito”, explica ele, acrescentando que 90% das operações feitas nesse sistema resultam em gain.

Inscreva-se e aprenda a bater a meta em minutos

 

De acordo com o analista, é preciso avaliar o cenário macro antes da abertura, levando em conta referências quantitativas, como commodities, e qualitativas, como os indicadores econômicos.

Tudo isso pode influenciar o mercado de forma positiva ou negativa e mostrar se existe uma posição compradora ou vendedora no dólar ou no índice. “Só aí é que você pode se posicionar”, ensina Cohen.

 

 

Contato