Tive ganhos no day trade, mas depois perdi tudo

Conto neste artigo dois grandes motivos que levam os traders a perder dinheiro, mesmo quando começam a ganhar
Por  Ariane Campolim -
info_outline

Importante: os comentários e opiniões contidos neste texto são responsabilidade do autor e não necessariamente refletem a opinião do InfoMoney ou de seus controladores

Neste artigo, quero falar sobre o motivo de muitas pessoas – mesmo após começarem a ver resultado no day trade – acabarem perdendo tudo.

Espero que estejam acompanhando os outros artigos, em que descrevo cada passo até me tornar uma trader profissional, além da minha experiência em cada uma das etapas.

Muitas pessoas colocam a culpa no emocional, mas quero deixar este tema para um outro artigo. Agora, quero falar sobre a falta de gerenciamento com os ganhos e precipitação no aumento de lotes.

Finalmente, depois de um longo caminho, você começou a ver os ganhos – e isso te deixa muito feliz. Aí, vem um dos principais fatores para um trader que mesmo obtendo lucros não dura no mercado, o perfil da super confiança.

Sim, logo nos primeiros ganhos o trader novato, que ainda está tirando seus primeiros ganhos, acha que descobriu um caixa eletrônico para tirar dinheiro a todo momento.

Aqui entra em cena a arrogância e a ganância do trader. Ele começa a ganhar – em alguns dias, ele até ganha mais do que a média que estava ganhando. Então, nos dias difíceis do mercado, ele não aceita ganhar menos. Ele pensa que todos os dias serão de ganhos fabulosos.

Como o trader começou a ganhar, ele começa a achar que é fácil. Ele sente que encontrou a fórmula mágica e será feliz para sempre, além de se imaginar no topo da montanha e viver sonhando em como o cotidano vai mudar e ele terá uma vida dos sonhos.

Então, os pequenos ganhos, que seriam os primeiros passos, deixam de ser motivo de felicidade e gratidão. Logo, esse ego sonhador pensa: “se eu aumentar mais os lotes, meus ganhos serão maiores”.

O trader deixa de pensar nas perdas e em como ele começou a ver os ganhos. Ele acredita que será tudo fácil daqui para frente e se arrisca mais do que precisa.

Com isso, no dia em que tudo dá errado, vem o desespero. E, mais uma vez, ele perde tudo – seja em um dia ou em uma semana ruim. Muitas vezes, entregando o lucro de meses que levou para construir.

A falta de paciência toma conta do trader quando ele vê os lucros. Afinal de contas, ele passou tanto tempo estudando e se dedicando para começar a ver algum resultado. No começo, ver os pequenos resultados o deixavam feliz. Mas agora ele está cansado e exausto, pois foi um longo caminho para chegar até lá.

O trader quer imediatamente a recompensa, mas ele quer recompensas cada vez maiores e mais rápidas.

Assim, a pessoa perde tudo e volta à estaca zero. Começa de novo, ganha. Vem a ganância, perde.

E ele fica nesse looping por anos, sem sair do lugar, ganhando dinheiro em épocas boas e perdendo em épocas ruins, por querer arriscar mais do que deveria.

Um outro fator pelo qual vejo as pessoas perderem tudo: recompensas. O que eu quero dizer com recompensas? Comprar bens materiais.

Você começou no day trade e ralou para ver resultados. Por isso, nada mais justo que gastar esse dinheiro que deu tão duro para conseguir a começar a ganhar.

Você nem teve tempo de se estabilizar financeiramente, mas ganhar dinheiro é fácil agora, não é mesmo? É só fazer um trade amanhã que o mercado irá te dar o dinheiro novamente. Aqui, falta visão de longo prazo, a pessoa sair gastando e comprando coisas materiais.

Um exemplo que posso deixar de um aluno que, claro, não vou citar o nome, começou a ganhar dinheiro no day trade. Em três meses, ele foi comprar um carro zero quilômetro. O dinheiro estava entrando. Então ele “facilmente” teria como pagar o carro, pois descobriu a “fórmula mágica”, não é mesmo?

De repente, começou a fase ruim. O mercado não estava dando tanto dinheiro como nos meses anteriores, estava com menos volatilidade. Aí veio o desespero. A pessoa gastou contando com o dinheiro que não havia ganhado ainda.

Depois de alguns meses, esse aluno me mandou uma mensagem dizendo que estava fazendo Uber para pagar as parcelas do novo carro, já que o mercado estava lateral e não estava dando tanto dinheiro quanto nos meses anteriores.

Mais um tempo se passou e logo ele estava vendendo o carro, pois não queria mais fazer Uber. E ele começou a arriscar mais do que devia no day trade. Ele tinha que fazer dinheiro de qualquer jeito para pagar o bem material que tinha comprado. Em resumo, acabou quebrando – e sem o carro.

Relatei neste artigo dois grandes motivos que levam os traders a perderem dinheiro, mesmo quando começam a ganhar.

O primeiro: a super confiança de achar que, quando se começa a ganhar, tudo está garantido – o que não é verdade.

O segundo: como o gasto para comprar bens, com os lucros, sem pensar no amanhã, sem entender que isso é um mercado de renda variável com meses bons e ruins, pode te levar a perder tudo!

Day trade é um investimento de risco. E sempre vai ser se você não gerenciar seus pequenos ganhos e não ir com calma.

O trader pode começar a ganhar e, mesmo assim, não durar nesse mercado. Com isso, sempre digo: para ser um bom day trader é necessário ter paciência e construir uma reserva para os meses ruins. Ser cauteloso é necessário para viver desta profissão.

Ariane Campolim Ariane Campolim é produtora de conteúdo na Clear Corretora. Atua como investidora desde 2015, principalmente como trader. Antes de trabalhar no setor, ela foi analista de tecnologia do Itaú Unibanco. É formada em física médica pela UNESP e cursou pós-graduação em negócios e gestão de pessoas no Insper

Compartilhe

Mais de Tudo Clear: a vida dos traders

Tudo Clear: a vida dos traders

Como encontrar um método para operar Day Trade?

Se você chegou agora, quero informar que venho escrevendo uma série de artigos e compartilhando passo a passo de cada etapa da minha jornada até viver como trader. Comecei falando sobre como conhecemos o mundo dos investimentos, como e por que você precisa abrir conta em uma corretora e a importância de uma plataforma.Neste artigo, […]