Sorte Pickers: a carteira aleatória mais bem fundamentada do mercado

Se você tem aquela suspeita de que um macaco vendado pode escolher ações melhor que gestores, acompanhe esse experimento do Stock Pickers e tire suas próprias conclusões. Mas por favor, NÃO INVISTA assim.

A ideia de que investir aleatoriamente em qualquer ação pode dar mais certo do que escolhê-las atormenta muita gente — principalmente gente como eu, que investe em fundos e paga taxa de administração.

Se uma tese de investimentos precisa considerar cenários e riscos diferentes, a chance de alguma variável não se comportar como o previsto é enorme. É justo e lógico, portanto, pensar: se sempre haverá análises que se confirmam e que não se confirmam; se sempre haverá ações subindo e caindo, para quê gastar tempo e energia escolhendo papéis? 

As chances de ganhar dinheiro montando uma carteira aleatória não seriam as mesmas, ou até maiores?

PUBLICIDADE

Em 1973 Robert Malkiel, economista de Princeton, publicou “A Random Walk Down Wall Street”, no qual se debruça sobre esse assunto. Ele conclui que “um macaco com os olhos vendados jogando dardos nas páginas de finanças de um jornal selecionaria um portfólio que iria tão bem quanto o de um especialista”.

Existe muita ciência na conclusão dele, baseada na hipótese dos mercados eficientes, de Eugene Fama (está tudo muito bem explicado aqui). Mas o Wall Street Journal resolveu testar. 

Em 1990 o jornal começou a montar carteiras de ações aleatórias e a compará-las com as de gestores convidados (a única diferença sobre é que eles usaram jornalistas vendados, não macacos). Após 8 anos de concurso, os profissionais ganharam: 10,8% contra 4,5% dos dardos.

Em 2013 um gato chamado Orlando “empatou” para o time do aleatório. Durante um ano inteiro o jornal The Guardian fez uma simulação, na qual profissionais escolhiam ações da maneira tradicional, enquanto o felino formava seu portfólio jogando seu ratinho de brinquedo para lá e para cá, sobre uma tabela numérica montada pela equipe do jornal.

A cada número da tabela era atribuída uma ação e assim as “compras e vendas” de Orlando aconteciam. No fim do ano, ele bateu os profissionais: transformou 5.000 libras em 5.542.60, 342 a mais que os profissionais.

Qual é a conclusão de tudo isso, portanto? 

PUBLICIDADE

Infelizmente não seremos nós a dar a resposta definitiva para isso. Mas vamos sim trazer essa discussão para o nosso Brasil.

Conheça a carteira Sorte Pickers!

A Sorte Pickers nasce como uma carteira não-recomendada, randômica, mas cheia de fundamentos. Nossa intenção é criar um benchmark aleatório e semanal para que você investidor possa se divertir.

Ela também é um desafio à carteira Monkey Stocks, que você já deve conhecer. Se não conhece, é só ouvir o episódio 17 do Stock Pickers.

Não custa dizer com todas as letras: essa NÃO É uma recomendação de investimentos, é apenas um exercício teórico sem nenhum fundamento do ponto de vista de investimentos. NÃO invista nessa carteira, por favor.

Dito isso, vamos à “metodologia”.

Talvez você já tenha percebido que o número de ações do Ibovespa é muito semelhante ao de dezenas da Mega-Sena (66 contra 60). E é justamente essa coincidência que vamos explorar.

  1. As ações
  2. – Os papéis do Ibovespa foram ordenados de acordo com a sua representatividade no Ibovespa. ITUB4 = 1, VALE3 = 2 e assim por diante. 

– Para reduzir o número de possibilidades, retiramos as empresas repetidas (PETR3, ITSA4, BBCD3, BRAP4, correlacionada a VALE3, e GOAU4)

  • Após este primeiro expurgo, restaram 61. O papel de menor representatividade, ECOR3 foi cortado. O resultado está na tabela lá embaixo.
  • A carteira

    • A carteira será montada levando em consideração o sorteio da Mega-Sena de sábado. Os preços considerados para compra serão os de abertura na segunda, e o de venda o fechamento de sexta. Abaixo o exemplo real da carteira da semana entre 26 e 30 de agosto, baseada no sorteio 2180 da Mega-Sena, realizado em 17/08:
  • Dezena

    Ação

    Compra 

    Venda

    Resultado da ação

    Resultado ponderado

    10

    SUZB3

    32,00

    28,00

    -12,5%

    -2,08%

    12

    UGPA3

    16,55

    16,02

    -3,2%

    -0,53%

    16

    BBSE3

    33,26

    32,19

    -3,22%

    -0,54%

    21

    EMBR3

    18,03

    17,85

    -1%

    -0,17%

    28

    CCRO3

    15,38

    15,67

    1,89%

    0,31%

    38

    CSNA3

    13,62

    13,62

    -4,08%

    -0,68%

Como estamos montando uma carteira, partimos do princípio que investimos uma quantidade igual em cada ação, portanto o resultado final de cada uma é proporcional à fatia que ela ocupa na carteira (1/6, ou 16,67%).

Assim, o resultado final da carteira desta semana é -3,69%. Como os dados do Ibovespa e da Mega-Sena estão disponíveis retroativamente, voltamos no tempo e levamos nossa carteira aleatória até janeiro de 2019. E o resultado dela até hoje é de 15,19%.

Essa é a carteira Sorte Pickers. Semanalmente você poderá acompanhar os resultados e saber como o acaso está nos tratando.

Você pode também comparar, por que não, a performance daquele gestor que leva seus 2% ao ano com ela. Só não recomendamos tomar nenhuma decisão por causa disso.

Os resultados sairão nas nossas redes sociais, no próprio podcast e por aqui mesmo.

Tabela completa com as ações do Ibov no segundo quadrimestre de 2019:

 

Dezena

Código

Ação

01

ITUB4

ITAUUNIBANCO

02

VALE3

VALE

03

BBDC4

BRADESCO

04

PETR4

PETROBRAS

05

ABEV3

AMBEV S/A

06

B3SA3

B3

07

BBAS3

BRASIL

08

JBSS3

JBS

09

LREN3

LOJAS RENNER

10

SUZB3

SUZANO S.A.

11

BRFS3

BRF SA

12

UGPA3

ULTRAPAR

13

RENT3

LOCALIZA

14

RAIL3

RUMO S.A.

15

VIVT4

TELEF BRASIL

16

BBSE3

BBSEGURIDADE

17

SANB11

SANTANDER BR

18

EQTL3

EQUATORIAL

19

PCAR4

P.ACUCAR-CBD

20

RADL3

RAIADROGASIL

21

EMBR3

EMBRAER

22

SBSP3

SABESP

23

GGBR4

GERDAU

24

KROT3

KROTON

25

WEGE3

WEG

26

CMIG4

CEMIG

27

IRBR3

IRBBRASIL RE

28

CCRO3

CCR SA

29

MGLU3

MAGAZ LUIZA

30

BRKM5

BRASKEM

31

AZUL4

AZUL

32

HYPE3

HYPERA

33

EGIE3

ENGIE BRASIL

34

LAME4

LOJAS AMERIC

35

BRML3

BR MALLS PAR

36

KLBN11

KLABIN S/A

37

TIMP3

TIM PART S/A

38

CSNA3

SID NACIONAL

39

ELET3

ELETROBRAS

40

NATU3

NATURA

41

CVCB3

CVC BRASIL

42

CIEL3

CIELO

43

YDUQ3

ESTACIO PART

44

ELET6

ELETROBRAS

45

BRDT3

PETROBRAS BR

46

CSAN3

COSAN

47

MULT3

MULTIPLAN

48

BTOW3

B2W DIGITAL

49

FLRY3

FLEURY

50

TAEE11

TAESA

51

ENBR3

ENERGIAS BR

52

USIM5

USIMINAS

53

CYRE3

CYRELA REALT

54

MRVE3

MRV

55

QUAL3

QUALICORP

56

IGTA3

IGUATEMI

57

GOLL4

GOL

58

MRFG3

MARFRIG

59

SMLS3

SMILES

60

VVAR3

VIAVAREJO

 

Apresentado por Thiago Salomão, analista da Rico Investimentos, o Stock Pickers vai ao ar toda quinta-feira às 17h. Você pode seguir e escutar pelo Spotify, Spreaker, Deezer, iTunes e Google Podcasts, ou então fazer o download clicando aqui

Renato Santiago

Renato Santiago é jornalista, coordenador de conteúdo e educação do InfoMoney