Nem Bull, nem Bear: aqui é Beef market! Até onde vai o rali das proteínas na bolsa?

Minerva (174%), JBS (132%), Marfrig (98%) e BRF (67%) figuram entre as maiores altas da bolsa em 2019

Importante: os comentários e opiniões contidos neste texto são responsabilidade do autor e não necessariamente refletem a opinião do InfoMoney ou de seus controladores

Após participar do episódio 30 do Stock Pickers, ouvir o episódio em casa e depois disso escutar hoje o Stock Pills do Tiago Cunha, gestor da Grou Capital, comentando sobre a forte alta do setor de frigoríficos na última segunda-feira (25), é quase impossível não ficar animado com as ações do setor. Embora a gripe suína africana seja hoje um dos surtos mais temidos do mundo, lembro do dia em que percebi que a gripe poderia ser pior do que muitos imaginavam.

O dia era 13 de abril de 2019. Estava voltando do Japão nesse dia em um voo conduzido pela companhia aérea chinesa Air China. A peste suína africana, doença altamente contagiosa que tem acometido os porcos chineses e responsável por dizimar quase metade do rebanho de porcos do país, havia tido o primeiro surto em agosto de 2018, estava se espalhando pela China, mas em abril seu efeito nos preços das proteínas ainda era desconhecido.

Lembro como se fosse ontem: conversando com uma senhora de Taiwan, que definitivamente não se dava bem com chineses, ela me contou os principais motivos da desavença entre as nações – se perguntar para um chinês se Taiwan faz parte da China, o mesmo dirá “claro”; se for direcionada aos taiwaneses, eles dirão “de jeito nenhum”. Entre as tantas coisas que a senhora me contou, uma delas eu não esqueço até hoje: “a crise suína está se alastrando muito rápido e está chegando em Taiwan”.

PUBLICIDADE

Me senti como Julius Clarence (personagem principal do excelente “Mercadores da Noite”, livro do Ivan Sant’Anna) quando ele pressente o interesse dos russos no algodão. Lembro que escutei a senhora, e pensei sobre quanto desse novo cenário – possivelmente de aumento dos preços das proteínas – o mercado já colocava na conta das ações do setor de frigoríficos. Aquilo ficou na minha cabeça.

Falando mais especificamente das duas ações citadas no Stock Pills, de agosto de 2018 – mês do surgimento do primeiro surto – até o dia do meu voo, a ação da JBS subia 95% enquanto a de Minerva recuava 5%. De 13 de abril até ontem (25) JBSS3 subia 57,8% contra alta de 88,1% da BEEF3, enquanto no acumulado do ano, JBS sobe 140% e Minerva avança 169%.

Minha curiosidade não era à toa, afinal a JBS era uma das nossas candidatas a recomendações na Carteira Rico Premium. Aliás, se você quer seguir nossa carteira recomendada em tempo real e ainda por cima fazer parte de uma comunidade exclusiva em que compartilhamos nossas análises e teses de investimentos, clique aqui e veja as vantagens de assinar a Carteira Rico Premium.

A China tem o maior rebanho de porcos do mundo que é mais da metade da população de suínos mundial. Além disso, ela é também a maior produtora, maior consumidora e maior importadora de carnes do mundo. Sem que tenha uma cura, o governo chinês não tem outra opção que não seja sacrificar o rebanho. A gripe já matou 50% do rebanho suíno na China, sendo que suínos é boa parte da alimentação dos chineses. A questão é que mesmo se toda a produção de suínos do mundo fosse exportada somente para a China, mesmo assim faltaria porcos para os chineses.

A solução para a China passa a ser importar outros tipos de proteínas de diferentes países do mundo. Aí que o Brasil entra e aí que os frigoríficos brasileiros podem se beneficiar.

Daqui do Condado nem sempre conseguimos ter dimensão das coisas que acontecem na vida real. O aprendizado desse evento para mim: não dá para menosprezar nossa capacidade de fazer bons investimentos com base naquilo que vivenciamos. No meu caso, estou sempre procurando oportunidades de investimento em tudo que vivencio. Seja passeando no shopping ou voltando do Japão em um voo de mais de 30 horas.

PUBLICIDADE

Se você quiser entender os principais motivos do rali das proteínas na bolsa e se o setor ainda pode ser visto como uma oportunidade, o Stock Pills de hoje foi feito sob medida para você.

 

Apresentado por Thiago Salomão, analista da Rico Investimentos, o Stock Pickers vai ao ar toda quinta-feira às 17h. Você pode seguir e escutar pelo Spotify, Spreaker, Deezer, iTunes e Google Podcasts

Matheus Soares

Matheus Soares é analista da Rico Investimentos e um dos responsáveis pela Carteira Rico Dividendos 8+