INOVAÇÃO NAS REDES DE FRANQUIAS

O 8º Fórum Internacional de Franquias acontecerá nos dias 26 e 27 de setembro em São Paulo. Na edição de 2017, a inovação volta a fazer parte dos temas que serão tratados no evento. E a primeira pergunta é: em seu negócio, existe uma cultura voltada para inovação? . Na edição de 2017, a inovação volta a fazer parte dos temas que serão tratados no evento. 
Por  Lyana Bittencourt
info_outline

Importante: os comentários e opiniões contidos neste texto são responsabilidade do autor e não necessariamente refletem a opinião do InfoMoney ou de seus controladores

O 8º Fórum Internacional de Franquias acontecerá nos dias 26 e 27 de setembro em São Paulo. Estarão reunidos no evento, que é organizado pelo Grupo BITTENCOURT, especialistas dos diversos setores para apresentar e discutir sobre as melhores práticas envolvidas no mundo do franchising e dos negócios.

Na edição de 2017, a inovação volta a fazer parte dos temas que serão tratados no evento. O assunto foi amplamente discutido na edição de 2015, e esse ano traz uma nova perspectiva para as redes de franquias e negócios.

Num mundo onde as pessoas, as relações, produtos e serviços estão em rápida e constante transformação a inovação se torna cada vez mais necessária.  E quando falamos em inovação, consideramos o processo de abrir novos caminhos e oportunidades. Vai além de simplesmente criar novos produtos ou serviços.  Inovar é quebrar paradigmas, é estar sempre a um passo à frente, é um pensamento estratégico, um processo formalizado para se olhar para o futuro, é pensar no resultado e na perenidade do negócio.

E cada vez mais a inovação está estreitamente relacionada a testar caminhos. No mundo atual, não há tempo para a perfeição. Colocar as ideias e projetos em prática em pouco tempo dá a oportunidade de corrigir erros e remodelar o projeto de forma a atender o consumidor da melhor forma possível.

E a primeira pergunta é: em seu negócio, existe uma cultura voltada para inovação?

As empresas em geral estão em um momento de transição de uma cultura acomodada, em que a inovação acontecia majoritariamente por necessidade para uma cultura de experimentação.

Ou seja, a força propulsora para explorar novas oportunidades aparecia nos momentos em que as redes passavam por alguma situação adversa como a crise econômica por exemplo. Hoje percebemos que começam a aparecer o que temos chamado no Grupo BITTENCOURT de “Cabeça de Startup”, ou seja, as empresas, mesmo as maiores, que muitas vezes podem ser consideradas mais lentas, começam a despertar para a necessidade de acelerar processos.

E essa aceleração vem de desburocratização e principalmente do empoderamento das equipes na tomada de decisão. Ao mesmo tempo é necessário o cultivo de uma cultura onde o senso de responsabilidade é latente. É comum vermos grandes empresas que devido à sua estrutura e complexidade são cheias de regras e hierarquia e, por isso se tornam menos inovadoras e mais lentas. O tempo que levam para viabilizar uma nova ideia aumenta o risco de perda do timing de lançamento. É preciso agilidade para colocar uma nova oportunidade ou prática no mercado e no negócio.

Aprenda com as Startups

Em uma startup o que vemos é um mindset diferente. A tomada de decisão é mais rápida, menos complicada, os riscos podem ser menores uma vez se utilizam da tática de “pivotar”, ou em inglês “pivot”.  Este conceito em uma startup consiste em testar novas hipóteses e readaptar o plano à medida que os feedbacks do mercado e dos clientes começam a aparecer, este é um modelo capaz de criar estratégias adaptáveis com base nas experiências, e “fracassar” é nada mais que um aprendizado.

Franchising na prática, e agora?

No caso das redes de franquia, a inovação pode vir dos mais diversos pontos de contato. Os responsáveis por dar origem a ideias inovadoras podem ser desde franqueados, clientes, consultores de campo e até fornecedores, visto que toda essa cadeia faz parte do processo e possuem a experiência prática do negócio.

Uma franqueadora pode começar o processo de inovação olhando para dentro, para sua complexidade e rever processos para que a inovação flua com mais rapidez e saia do campo das ideias e chegue efetivamente à aplicação prática.

A Inovação também no modelo de eventos

A 8ª edição do Fórum também será diferente. Assim como as empresas têm se adaptado à transformação do comportamento do consumidor para gerarem conexão emocional, engajamento e experiências memoráveis o 8º FÓRUM INTERNACIONAL DE GESTÃO DE REDES DE FRANQUIAS E NEGÓCIOS traz em 2017 um novo olhar sobre os eventos de negócios. Desde 2010 o evento traz para o mercado tendências, cases de sucesso, reflexões e inspirações para as redes aplicarem em suas empresas. Em 2017 a ideia é surpreender a todos com excelência em conteúdo, interação e conexão.  Para mais informações sobre o evento acesse o site: 8º FÓRUM INTERNACIONAL DE GESTÃO DE REDES DE FRANQUIAS E NEGÓCIOS      

Compartilhe

Mais de Falando de franquias

Falando de franquias

EXPANSÃO E RENOVAÇÃO

Recentemente tive a oportunidade de liderar um painel no Congresso de Expansão na ABF Franchising Week que teve como tema “Como o modelo de negócios pode estar influenciando o crescimento da rede?“ nesse painel – que também teve a participação de redes como o Bob´s, Clube Melissa e Club Life to Go – pudemos levar uma reflexão para o mercado de franquias.
Falando de franquias

Business Synergy e o Franchising do Bem.

Junho é um mês bastante movimentado para o mercado de franquias. É nesse mês que acontece a maior feira do setor, a ABF Franchising Expo que ao longo dos anos tem agregado cada vez mais conteúdo e oportunidades de relacionamento entre os franqueadores, fornecedores, candidatos e empresários do setor em geral.
Falando de franquias

COMO EVITAR QUE SUA EMPRESA FIQUE PARADA NO TEMPO

Numa realidade em que são raros os mercados que podem ser considerados "oceanos azuis" – ou seja, aqueles em que a concorrência ainda não chegou ou não oferece risco – estar atento à renovação do modelo de negócios, sua proposta de valor e a forma que ela se apresenta no mercado são ações fundamentais que não podem deixar de estar presentes na mente dos empresários em todas as decisões que vai tomar.
Falando de franquias

Enquanto o mercado vai com a farinha o franchising traz o bolo!

Muito se falava sobre as pessoas que perderam seus empregos e iriam buscar negócios para empreender, prioritariamente de baixo investimento, ou que a falta de confiança no mercado não traria novos empresários interessados em transformar seus negócios em franquia. Não foi isso que aconteceu. Veja a visão do Grupo BITTENCOURT sobre a recuperação dos negócios e da confiança no mercado de franquias.
Falando de franquias

Propósito – A essência aplicada na ponta

Em 2017 o Grupo BITTENCOURT traz para a 8ª Edição do Fórum de Franquias o tema PROPÓSITO QUE ENGAJA DE FATO. Um tema relevante que cada vez mais tem sido discutido no mundo dos negócios. Muitas pesquisas recentes têm mostrado que quando uma empresa tem algo maior e mais significativo do que o lucro como objetivo final, os resultados aparecem. E de forma superior às empresas que focam apenas no resultado para os acionistas.