Riqueza e felicidade (4) | Significado da vida

Qual é a relação entre o dinheiro e o mais nobre e complexo dos sentimentos da psicologia positiva, o significado.

Importante: os comentários e opiniões contidos neste texto são responsabilidade do autor e não necessariamente refletem a opinião do InfoMoney ou de seus controladores

Um atestado de que atingimos nossa maturidade é quando compreendemos a finitude da vida, ou seja, um dia deixaremos de existir nesse mundo. Você já compreendeu isso? Um dia, os prazeres que lhe movem não existirão mais, e andar por aí de olhos abertos comendo chocolate, saboreando-se com uma fofoca do vizinho ou vendo novela não será mais possível.

Que efeito essa visão tem em você? Tranquilidade ou desespero?

O sentimento de significado está associado a sensação de que cumprimos nosso papel nesse mundo. A moderna sociedade do espetáculo tende a nos mostrar que para isso temos que ser um astro do rock, prêmio Nobel, jogador de futebol, ou, no mínimo, médico. Mas isso não é verdadeiro.

Significado é simplesmente a compreensão de que fazemos parte de uma engenhoca maior do que nós, que somos uma peça importante no meio de outras peças tão importantes quanto. Que somos uma gota em um oceano magnífico. Essa é, inclusive, a forma que Madre Tereza de Calcutá se referiu ao significado de sua vida: “O que eu faço é uma gota no meio de um oceano. Mas sem ela, o oceano seria menor”.

Há alguns apoios tradicionais que permitem às pessoas aproximar-se dessa visão: a religião, os filhos, o trabalho, a caridade.

O significado é uma explicação de porque grandes magnatas da atualidade já se comprometeram em doar grande parte de sua riqueza. Eles vão abrir mão de todos os prazeres que o dinheiro poderia garantir para eles e dezenas de gerações de suas famílias. E com isso se aproximarão do sentimento de significado, de que cumpriram seu papel no mundo.

Wilson Marchionatti