Em coelce

Coelce dispara mais de 11% após Enersis lançar OPA a R$ 49 por ação

Ofertante deverá pagar um prêmio de 20,1% pelas ações da empresa; leilão da OPA ocorrerá dia 17 de fevereiro

energia
(Divulgação)

SÃO PAULO - A Coelce (COCE5) anunciou que a empresa chilena Enersis, com sede na cidade de Santiago, aprovou em reunião de seu conselho de administração a OPA (Oferta Pública de Aquisição) das ações da companhia cearense de energia que estão em circulação no mercado. O preço oferecido aos acionistas é de R$ 49 por cada ação, o que representa um prêmio de 20,1% sobre o preço médio ponderado de cotação dos papéis preferenciais classe A na BM&FBovespa no fechamento dos 30 pregões anteriores a 13 de janeiro. Na última terça-feira, os ativos COCE5 - os mais líquidos na bolsa - encerraram a sessão a R$ 43,15. 

Diante da oferta, as ações preferenciais da empresa abriram o pregão desta quarta-feira em forte disparada. Às 10h23 (horário de Brasília), os papéis registravam valorização de 11,82%, sendo cotados a R$ 48,25. O volume financeiro também impressiona e alcançava no mesmo horário R$ 3,643 milhões, contra média diária dos últimos 21 pregões de R$ 2,447 milhões.

Em comunicado enviado à CVM (Comissão de Valores Mobiliários) nesta manhã, a Coelce aponta que a Enersis estaria disposta a adquirir durante a OPA (Oferta Pública de Aquisição), até totalidade das ações ordinárias, além das ações preferenciais classe A e B. Isso corresponde a 3.086.975 ações ordinárias de emissão da companhia e 3,965% do capital social total; 26.454.018 ações preferenciais classe A, o que representa 33,978% do capital social; e 1.534.662 ações preferenciais classe B, representativas de 1,971% do capital social.

De acordo com a Enersis, a OPA voluntária tem por objetivo a consolidação, na ofertante, da participação acionária e do controle acionário da companhia. A ofertante já é controladora da companhia, possuindo indiretamente, por meio de sociedades por si controladas direta ou indiretamente, 58,87% do capital social total da companhia. 

Segundo a equipe de análise da XP Investimentos, o preço pago deve gerar a adesão dos minoritários e parece ser justo, precificando a empresa em um P/L (Preço sobre Lucro) dos últimos 12 meses em 13,2 vezes. 

O leilão da OPA voluntária ocorrerá no dia 17 de fevereiro, com início às 16h (horário de Brasília), devendo o pagamento do preço da aquisição ocorrer no dia 20 de fevereiro. 

 

Contato