Apesar da crise

Zuckerberg desbanca Bezos em lista dos mais ricos do mundo

Zuckerberg é o único bilionário entre as cinco pessoas mais ricas do mundo cujo patrimônio aumentou neste ano

(SÃO PAULO) – Mark Zuckerberg se tornou a quarta pessoa mais rica do mundo na terça-feira porque as ações do Facebook conseguiram escapar da queda dos mercados acionários.

Aos 31 anos, o fundador da maior rede social do mundo tinha um patrimônio de US$ 50 bilhões no fechamento do pregão em Nova York. Isso o colocou acima de Carlos Slim, da América Móvil, e de Jeff Bezos, da Amazon.com, no Bloomberg Billionaires Index, um ranking diário das 400 pessoas mais ricas do mundo.

Mesmo com uma queda de 0,4 por cento no dia, o Facebook registra um avanço de 9,5 por cento em 2016, apesar do panorama sombrio dos mercados internacionais de ações. A empresa com sede em Menlo Park, na Califórnia, informou na semana passada resultados superiores às estimativas dos analistas, fazendo com que o Facebook se tornasse a quarta empresa mais valiosa do planeta, depois da matriz do Google, a Alphabet, da Apple e da Microsoft.

PUBLICIDADE

A queda de 18 por cento registrada neste ano pela Amazon reduziu em US$ 10,6 bilhões o patrimônio de Bezos, deixando-o com US$ 49,1 bilhões. Bezos foi o bilionário com o melhor desempenho no índice em 2015, tendo mais que dobrado seu patrimônio líquido. Slim perdeu US$ 3,3 bilhões neste ano, porque a América Móvil foi afetada pela crise econômica no Brasil, fonte de 17 por cento das vendas da empresa no terceiro trimestre.

Zuckerberg é o único bilionário entre as cinco pessoas mais ricas do mundo cujo patrimônio aumentou neste ano. Metade dos 10 bilionários mais ricos do planeta fez fortuna no setor de tecnologia.