Relacionamento deve ser avaliado, antes de falar sobre busca por novo emprego

De acordo com especialista, é possível ser sincero, desde que haja bom relacionamento com o chefe

SÃO PAULO – Não é incomum ouvir que é necessário ter transparência no relacionamento profissional. Entretanto, quando o assunto é a busca por um novo emprego, é necessário avaliar o relacionamento com o gestor para “abrir o jogo”.

O alerta é de Guilherme Rego, coach e diretor-geral da Elevartis, empresa de desenvolvimento profissional e pessoal. Para ele, é possível ser sincero e dizer que está participando de um processo seletivo, se existe, por exemplo, a possibilidade de ficar ausente da empresa durante as entrevistas, desde que haja um bom relacionamento com o chefe.

Ainda de acordo com a avaliação do especialista, manter um bom relacionamento com o superior é essencial para quem quer ter sucesso na carreira, sendo que, inclusive, este relacionamento pode ajudar na hora de indicações para futuras empresas onde este gestor possa vir a trabalhar.

PUBLICIDADE

Assim, alerta ele, é importante que o colaborador mantenha uma postura profissional até o último dia de trabalho, não agindo de maneira negativa e, se possível, ainda que o gestor tenha compreendido o fato de o profissional estar buscando novas oportunidades, preferir fazer os processos seletivos em horários diferentes do trabalho atual.

Hora da despedida
Na hipótese de o trabalhador conseguir novo emprego, o especialista dá ainda dicas para que a despedida seja feita da maneira mais positiva e educada possível, sobretudo se o profissional não quiser “fechar nenhuma porta”, criando obstáculos para oportunidades futuras.

Para isso, diz ele, “é preciso evitar demonstrar sentimentos e emoções negativas. Nunca fale mal da empresa ou de ninguém na hora de pedir demissão (…) Se o RH procurar o profissional e pedir uma entrevista de desligamento, esse sim pode ser o momento de expor os motivos da saída da empresa”.

Outra atitude bem-vista por colegas e gestores neste momento é o envio do e-mail de despedida para a equipe com os contatos pessoais e de redes sociais, como o Linkedin. Neste e-mail, orienta Rego, o profissional deve agradecer pelo aprendizado conquistado e desejar boa sorte a todos da corporação.

Além disso, se for cumprir aviso prévio, orienta o coach, o profissional deve negociar uma data com o gestor e se planejar para não deixar nada pendente na empresa atual e não atrasar o ingresso na futura companhia.