Profissional: você sabia que conhecer a si mesmo ajuda a melhorar desempenho?

Negociadores e vendedores precisam conhecer seus pontos fortes e fracos para ter boa performance no dia-a-dia

arrow_forwardMais sobre
Aprenda a investir na bolsa

SÃO PAULO – Você é um daqueles negociadores ou vendedores que fazem cara de conteúdo, que tentam mostrar que entendem de tudo ao cliente? Pois saiba que de nada adianta disfarçar a insegurança.

O presidente da HSM do Brasil e professor de negócios da ESPM, FGV e FIA/USP, Carlos Alberto Júlio, explica em seu livro “Superdicas para vender e negociar bem” que os bons profissionais aliam o conteúdo à forma. A avaliação dele é que essas pessoas analisam seus pontos fortes e fracos e se conscientizam deles.

Dicas

Júlio dá algumas dicas: “Liste em um papel seus pontos fortes. Se tem alguma dúvida sobre eles, tente lembrar-se do elogio que você costuma receber. Se os clientes dizem que você é pontual, atencioso e que sempre tem boas idéias, certamente esses são seus pontos fortes. Logo, essas qualidades devem ir para a vitrine, você deve explorá-las”, explica.

Aprenda a investir na bolsa

Mas ele lembra que isso não implica sair se gabando, se sentindo o maioral! Significa apenas que você deve trabalhar no sentido de ser mais pontual, atencioso e ter cada vez mais boas idéias. “Os bons profissionais sabem que o valor está no elogio que vem do cliente; o auto-elogio e a soberba acabam por derrotá-lo”.

Já para conhecer pontos fracos, tenha a humildade e a força de vontade para perguntar aos outros: o que devo fazer para melhorar? “De posse dessa informação, trate de corrigir o mais rápido possível seus pontos fracos”, diz o presidente da HSM do Brasil.