desemprego

Prefeito usa loteria para sortear emprego na Espanha

Com taxa de desemprego beirando a 50%, cerca de 500 pessoas da cidade de Alameda participam do sorteia em busca de serviços públicos

Aprenda a investir na bolsa

SÃO PAULO – Ganhar na loteria, para a maioria das pessoas significa aposentadoria antecipada. Já em Alameda, na Espanha, quem for sorteado será premiado com meses de serviços públicos.

Com uma taxa de desemprego beirando a 50%, o prefeito Juan Lorenzo Pineda Chaverías, tomou uma nova abordagem para preencher muitos dos empregos públicos do município. Uma vez por mês, ele sorteia os nomes dos profissionais “contratados” temporariamente em um evento público e transmitido pela TV local para verificar que não há trapaças.

Chaverías foi eleito em 2008, no começo da crise econômica da Espanha, afirmou o site do jornal The New York Times. Na época, sortear serviços temporários parecia uma boa iniciativa para distribuir empregos. O sistema, segundo ele, também deixaria sua administração longe de denúncias de corrupção.

Aprenda a investir na bolsa

A primeira vez que ele realizou o sorteio, apenas 30 pessoas se candidataram aos empregos anunciados. Agora, depois de quase seis anos de recessão, existem cerca de 500 pessoas na lista de candidatos aos mesmos cargos.