Em carreira

Finlândia começa a testar programa de renda básica: 2 mil pessoas receberão um ''salário'' mensal

Inicialmente, somente 2 mil finlandeses terão direito ao benefício por um período de dois anos

Finlândia
(Shutterstock.com)

SÃO PAULO – A partir deste mês, a Finlândia vai iniciar o teste do programa de renda básica universal, que vai garantir a todos os cidadãos do país uma renda mensal de 560 euros, valor equivalente a R$ 2 mil segundo a cotação desta segunda-feira (2). Segundo informações do CNN Money, essa quantia é garantida independentemente da renda e riqueza que possuem e se estão ou não trabalhando.

A ideia desse programa é garantir aos cidadãos maior segurança, principalmente levando em conta que “os avanços tecnológicos reduzem a necessidade de mão de obra humana”, segundo o portal.

Inicialmente, somente 2 mil finlandeses terão direito ao benefício por um período de dois anos; todos foram selecionados aleatoriamente, mas têm como característica comum o fato de que recebem ou seguro desemprego ou subsídio de renda. O valor que receberem do programa não será taxado.

A expectativa do governo finlandês é que, a longo prazo, o programa economize dinheiro e também reduza os custos do governo.

Projetos semelhantes estão sendo estudados em outros países, como Canadá, Uganda e Islândia.

 

Contato