No momento da entrevista de emprego, priorize sua empregabilidade

Fator mais importante em um candidato não é o que ele fala ou como age, mas o que realizou no decorrer da carreira

SÃO PAULO – De acordo com o diretor do Grupo AncoraRH e especialista em gestão com foco em competências, Rogério Leme, o fator mais importante em um candidato não é o que ele fala ou como age no momento da entrevista, mas o que realizou no decorrer de sua vida profissional, ou sua empregabilidade.

A palavra significa “qualidade de empregável” ou a capacidade de estar sempre com um emprego. No momento da entrevista, será colocada em jogo. É nesse momento que todas as características realmente vividas pelo candidato serão colocadas à mesa, refletindo de forma positiva todas as suas virtudes.

Ainda segundo Leme, quem está preocupado apenas com o emprego peca em não desenvolver o capital intelectual, pois passa o tempo tentando se defender de ataques à sua função. “Já quem está preocupado com sua empregabilidade, constantemente busca resultados e se desenvolve”. Neste segundo caso, o profissional se propõe a desempenhar tarefas mais complexas e organiza a própria equipe, delegando atividades para que os membros também possam ter tempo para se desenvolver.

Empregabilidade

PUBLICIDADE

A reciclagem constante, a flexibilidade a mudanças e a versatilidade são qualidades que as empresas valorizam. Por isso, abuse delas no momento da entrevista de emprego. Trate sua carreira como um verdadeiro negócio e não pense como mero funcionário, mas como alguém que possa fazer a diferença. Veja abaixo os fatores essenciais para que sua empregabilidade aumente:

  1. Adequação da profissão à vocação;
  2. Competências;
  3. Idoneidade;
  4. Saúde física e mental;
  5. Networking;
  6. Equilíbrio financeiro;

Dentre os fatores que podem ameaçar a empregabilidade de um profissional, estão os adventos tecnológicos, a globalização da produção, a abertura das economias e as constantes mudanças que vêm afetando o ambiente das organizações.