Mercado de trabalho registra expansão em setembro, diz pesquisa

Resultado é referente ao mesmo período de 2009. Frente a agosto, houve queda de 10,38% na oferta de oportunidades

SÃO PAULO – O mercado de trabalho registrou crescimento em setembro, na comparação com o mesmo período de 2009. Segundo um estudo realizado pela Ricardo Xavier Recursos Humanos, no nono mês do ano, foram contabilizadas 2.330 vagas, contra 2.120 em setembro do ano passado.

Já na comparação com agosto deste ano, houve uma queda de 10,38% na oferta de oportunidades.O presidente da Ricardo Xavier, Hélio Terra, afirma que, apesar da diminuição do número de postos de trabalho, setembro foi um mês positivo para o mercado, já que superou os índices de 2009.

“Não se pode esquecer que as empresas estão vivendo um momento de expectativa, devido às eleições presidenciais. Certamente o resultado de setembro no mercado de trabalho é reflexo disso, o que também poderá se estender em outubro. É natural que haja maior cautela nas contratações, especialmente no que se refere a vagas estratégicas”, acrescenta Terra.

Empresas nacionais
Os dados apontam também que as empresas nacionais lideraram a contratação no período, com 80,64% do total das oportunidades. As vagas restantes (19,36%) foram abertas pelas empresas e grupos multinacionais.

Em relação aos setores, a área responsável pela maior parte das contratações foi a de engenharia, com 15% do total de vagas. Em seguida, aparecem as áreas comercial e indústria, com 13% e 7% dos postos de trabalho, respectivamente.

As áreas Financeira, Recursos Humanos e Administrativa aparecem com 6% do total de posições cada uma. Outros segmentos aquecidos foram Marketing, Tecnologia da Informação e Contabilidade, com 4% do total das oportunidades.

Profissões
Na análise das profissões os engenheiros continuam sendo os mais requisitados pelo mercado, com 25,92% do total das vagas. Confira abaixo a relação das dez graduações mais procuradas no período:

Profissões
GraduaçãoVagas
Engenharia25,92%
Administração12,20%
Ciências Contábeis5,83%
Economia4%
Propaganda/Publicidade e Marketing3,05%
Psicologia1,52%
Direito1,49%
Tecnologia da Informação1,12%
Arquitetura0,68%
Análise de Sistemas0,64%