Mercado de trabalho para executivos resiste em se recuperar

No mês de setembro, quando se esperavam dados positivos, foi registrada queda de 5% na oferta de vagas

SÃO PAULO – O mercado de trabalho para os executivos também foi afetado pela crise e parece demorar a se recuperar.

Em setembro, quando se esperavam dados positivos, foi registrada queda de 5% na oferta de vagas para gerência e direção, na comparação com agosto, de acordo com a Pesquisa Impex, da Laerte Cordeiro Consultores em Recursos Humanos.

“Todos gostaríamos de ver um mercado aquecido, procurador de talentos, oferecendo muitas vagas, a denotar o fim da crise e a retomada dos números de 2008. Infelizmente, porém, setembro não mostrou esse forte aquecimento”, diz o estudo.

Cargos procurados

PUBLICIDADE

De acordo com os dados, a oferta de empregos, no mês de setembro, foi maior para os profissionais de Marketing/Vendas, com 43% do total. Em seguida, estavam os executivos de Produção/Técnica (25%), Serviços Internos – recursos humanos, tecnologia da informação, jurídico – (17%) e Finanças/Controle (14%).

Quando analisados os cargos, os mais procurados em setembro foram os diretores/gerentes de vendas, diretores/gerentes comerciais, diretores/gerentes industriais, gerentes de produção, gerentes de produtos e controllers.

Em setembro, a Indústria foi a que mais ofereceu vagas, com 67% da procura, seguida pelo setor de Serviços, com 33% do total.

As empresas que mais contrataram no nono mês do ano foram as de Engenharia, Autopeças, Embalagens, Máquinas e Equipamentos, Metalúrgicas, Plásticos, Químicas e Têxteis.