Carreira

Jobs, Lemman e Silvio Santos são as maiores inspirações profissionais para Geração Z

Estudo foi realizado pela empresa de recrutamento Page Talent em parceria com a Inova Business School 

SÃO PAULO – As pessoas que mais inspiram a geração Z profissionalmente são Steve Jobs, Jorge Paulo Lemann e Silvio Santos, segundo um estudo realizado pela empresa de recrutamento Page Talent em parceria com a Inova Business School. 

Considerando a geração Z, aqueles nascidos a partir de 1990, o estudo sobre tendências, relações de trabalho, atração e contratação de jovens profissionais mostrou que figuras públicas como Kéfera, Neymar, Eduardo Suplicy ou Kim Kataguiri têm pequena influência na carreira dos jovens.

“Isso mostra que essa geração procura para suas carreiras a inspiração de pessoas ligadas à inovação, empreendedorismo e sucesso. Pretendem aprender algo com eles e que os motivem a trilhar uma carreira mais vitoriosa”, afirma Manoela Costa, gerente-executiva da Page Talent.

PUBLICIDADE

O estudo Carreiras em transformação foi realizado em abril e maio deste ano, contando com a participação de 4093 candidatos a programas de estágio e trainee e 310 representantes de RH de empresas de diversos setores e portes.  

Confira as inspirações de carreira da Geração Z, segundo o estudo: 

Steve Jobs: 8%

Jorge Paulo Lemann: 5%

Silvio Santos: 4%

Empatados estão: 

PUBLICIDADE

Barack Obama: 3%

Jesus Cristo: 3%

Bill Gates 3%

Flávio Augusto da Silva (fundador da escola de inglês Wise Up): 3%

E dois nomes da tecnologia:

Elon Musk: 2%

Mark Zuckeberg: 2%

10% dos entrevistados disseram não ter nenhuma inspiração profissional, o que pode indicar uma autonomia e certa autoconfiança dessa geração, além da dificuldade de encontrar grande lideranças. “Na era dos influenciadores digitais, anônimos que traçam tendências e ícones de relevância passageira, o nosso espectro de influência é extremamente amplo. Para o público que está imerso em diversas plataformas e aparelhos todos os dias, tornou-se ainda mais difícil identificar quem é o melhor porta-voz para esta geração”, analisa a executiva.

O estudo também concluiu que figuras que cercam a vida dos jovens impactam suas decisões na busca por emprego. Considerando peso 3 de máxima influência e 1 menor influência, empreendedores de sucesso (2,50) e inovadores de sucesso (2,47) são os dois maiores influenciadores para os jovens.

Logo em seguida está a mãe (2,45), acompanhada por executivos de sucesso (2,42), professores/mentores (2,41), amigos (2,21), pesquisadores de sucesso (2,19) e o pai (2,18).

Listados aqueles com menor influência, estão: celebridades (1,28), influenciadores digitais (youtubers e blogueiros, por exemplo – 1,54), líderes políticos (1,54) e as redes sociais (1,90).