Corte

Google vai demitir 220 trabalhadores da Motorola no Brasil, diz jornal

Demissão de trabalhadores da área administrativa da empresa em Jaguariúna, no interior de São Paulo, começa hoje

SÃO PAULO – O Google, dono da Motorola Mobility, irá demitir a partir desta quinta-feira (16), cerca de 220 funcionários da fábrica da empresa em Jaguariúna, localizada no interior de São Paulo. Segundo o jornal Folha de S. Paulo, tal percentual representa 8% do total de trabalhadores da unidade.

Segundo o presidente do SindMetal (Sindicato dos Metalúrgicos de Jaguariúna e Região), José Francisco Salvino, as demissões no País irão ocorrer apenas na área administrativa da fábrica que, no total, emprega cerca de 2,6 mil funcionários.

Já sabiam
O corte de 4 mil empregados em todo o mundo foi anunciado pelo Google nesta segunda-feira (13), quando a companhia se comprometeu em ajudar os empregados durante esse momento de transição, oferecendo um pacote de indenizações, além de serviços de recolocação profissional.

PUBLICIDADE

A expectativa é que os trabalhadores demitidos recebam 50% de salário por ano trabalhado. Lembrando, que cada funcionário poderá receber, no máximo, cinco salários.