Em carreira / educacao

Esse é o melhor horário do dia para aprender idiomas melhor e mais rápido, segundo o Duolingo

Aplicativo usou dados dos usuários para identificar o horário do dia que os usuários devem praticar para fixar melhor o aprendizado 

Duolingo
(Pe3k / Shutterstock.com)

SÃO PAULO – Encontrar tempo para aprender um novo idioma em uma rotina corrida e atarefada não é fácil, mas, segundo um estudo do aplicativo Duolingo, o horário de estudo que garante o a melhor fixação do que foi estudado está ao alcance de todos.

A partir de dados de milhares de usuários do aplicativo, o Duolingo identificou diferentes comportamentos dos usuários e os dividiu em 14 grupos diferentes. Cada um tem preferências de horário para praticar uma língua pelo aplicativo, seja nos dias de semana ou nos finais de semana. Depois, usando um fator adicional capaz de estimar a habilidade de cada usuário com a língua, o Duolingo conseguiu analisar a performance de cada grupo.

Foi identificado que os usuários que treinam e praticam o idioma antes de dormir apresentam o melhor desempenho de aprendizagem de todos os grupos; a média de aprendizado desse grupo é 52,89% maior que a dos demais usuários. Eles também são os que praticam na maior frequência de todos os grupos: eles fizeram do estudo um hábito diário e utilizam o aplicativo até mesmo nos finais de semana.

Com esses dados é possível sugerir que além do horário em que a língua é estudada, para que o aprendizado seja melhor sucedido também importa a frequência com que ela é praticada. Não à toa, os usuários que praticam o idioma arbitrariamente compõem o grupo que teve o pior desempenho do estudo.

“Desenvolver um hábito diário regular é vantajoso se você estiver em busca de um estilo de vida mais saudável, e com o aprendizado de línguas não é diferente. Quando as pessoas dispõe de tempo para aprender e praticar uma habilidade, elas parecem aprender mais do que aqueles que são menos consistentes – e talvez antes de dormir seja um bom horário para fazer isso, já que você dificilmente será interrompido”, escreveu o Duolingo no estudo.

O Brasil é, hoje, o segundo maior mercado do Duolingo, com 29,2 milhões de usuários. Ele fica atrás somente dos Estados Unidos. Os brasileiros estão entre os usuários que mais praticam idiomas através do aplicativo e, em comparação com os EUA e México, é o que mais estabelece metas de aprendizado – o que indica maior empenho e dedicação.

Desde que foi fundado, o Duolingo já levantou mais de US$ 103,8 milhões em investimentos.

Invista seu dinheiro da melhor maneira. Clique aqui e abra sua conta da XP 

 

Contato