Em carreira / educacao

Governo abre 800 mil vagas para cursos técnicos no País

Quem aderir ao programa e conseguir um trabalho com carteira assinada e aumento da renda não será excluído imediatamente do Bolsa Família

concurso público - educação - candidato - vestibular
(Shutterstock)

SÃO PAULO - O governo federal abriu 800 mil vagas para cursos técnicos com o intuito de ajudar beneficiários do Bolsa Família a conquistarem independência. Esses cursos fazem parte do programa Pronatec Oferta Voluntária e do Progredir, que tem o objetivo de emancipar até um milhão de famílias nos próximos dois anos.

Segundo o Ministério da Educação, todos os cursos são gratuitos e as aulas começam a partir de 30 de outubro. Qualificação profissional, acesso ao mercado de trabalho e incentivo à população de baixa renda a abrir o próprio negócio são os objetivos do governo.

Quem aderir ao Progredir e conseguir um trabalho com carteira assinada e aumento da renda não será excluído imediatamente do Bolsa Família. Segundo o ministério, aqueles que alcançarem renda de até dois salários mínimos continuarão recebendo o benefício por pelo menos dois anos. Atualmente, 13,5 milhões de famílias fazem parte do programa.

Independência financeira
De acordo com o Ministério do Desenvolvimento Social, com o tempo, os beneficiários do Bolsa Família e os trabalhadores cadastrados no Cadastro Único terão meios de garantir seus ganhos, acabando com a dependência dos programas de transferência de renda.

Para se inscrever, é preciso ser cidadão brasileiro maior de 15 anos e ter pelo menos o ensino fundamental incompleto. As inscrições devem ser feitas no site do Pronatec, e os cursos são oferecidos nas modalidades presencial e a distância.

 

Contato