Dia nacional de prevenção de acidentes no trabalho: veja dica de como evitá-los!

A cada três horas, um trabalhador sofre acidente no ambiente de trabalho; conheça normas de segurança

Aprenda a investir na bolsa

SÃO PAULO – A falta de informações sobre os riscos ocupacionais é responsável por lesões em um número de 20 a 80 milhões de trabalhadores da América Latina e Caribe, segundo pesquisa da Organização Internacional do Trabalho (OIT).

Aqui no Brasil, segundo dados do Instituto Nacional de Seguro Social (INSS), a cada três horas um trabalhador sofre acidente em seu ambiente de trabalho. Além disso, cerca de 492 mil acidentes ocorrem todos os anos no País.

Conheça as normas

Diante do Dia Nacional de Prevenção de Acidentes de Trabalho, comemorado nesta sexta-feira (27), e dos dados acima, é importante reconhecer algumas atitudes que o profissional pode tomar para evitar estes problemas.

Aprenda a investir na bolsa

Muitos destes acidentes poderiam ser evitados se o funcionário conhecesse as Normas Regulamentadoras do Ministério do Trabalho e Emprego (MTE), que estabelecem regras para adaptação das condições de trabalho com conforto e segurança.

Segundo o diretor do Departamento de Segurança e Saúde no Trabalho do MTE, Rinaldo Marinho, estas normas são fiscalizadas por três mil auditores fiscais espalhados pelo País.

“Quando o auditor verifica que existe uma infração a essas normas regulamentadoras na empresa ele pode conceder um prazo para que a empresa se regularize, pode lavrar um auto de infração, ou propor a interdição daquele estabelecimento. Se houver uma condição de grave e iminente risco à integridade física do trabalhador, ele pode fazer a proposta para o delegado regional do trabalho e parar as atividades do estabelecimento”, explicou à Agência Brasil.

Acerte a postura

Dores nas costas, nas pernas ou de cabeça. Estes são sinais de que a postura errada no trabalho causou lesões corporais. Diante destes sintomas, no entanto, fica difícil se concentrar nas atividades, o que causa queda no rendimento.

Alongar-se antes de começar o trabalho, levantar-se durante alguns minutos depois de duas horas sentado e evitar manter a coluna curvada são atitudes que não exigem muito do trabalhador, mas que evitarão estes sintomas.