Consultora aponta cuidados a tomar na hora de selecionar um candidato!

Selecionador deve analisar a conduta do profissional; atentar à sua própria comunicação; e não fazer julgamento nem críticas

Aprenda a investir na bolsa

SÃO PAULO – A entrevista presencial ainda é uma das principais ferramentas para a contratação de profissionais, por mais que demande tempo e deixe muitos candidatos um tanto quanto nervosos. Muito mais do que as capacidades técnicas, que podem ser conferidas em um currículo, a entrevista possibilita à empresa analisar o comportamento do interessado.

“Ao contratar os profissionais, por meio de uma entrevista, é necessário que, com as informações obtidas, seja possível conhecer melhor a estrutura da personalidade do profissional entrevistado”, afirmou a especialista em gestão de pessoas e diretora da ZHZ Consultores, Arlete Zagonel.

Bom aproveitamento

De acordo com Arlete, o selecionador precisa aproveitar este momento da entrevista pessoal para saber o máximo possível sobre o candidato: sobre a família, hábitos, lazer, interesses e etc. Assim, terá uma visão sistêmica do funcionamento do futuro colaborador.

Aprenda a investir na bolsa

“Para facilitar essa abordagem e coleta de informações, algumas questões devem ser consideradas pelo entrevistador, como as informações não-verbais que são expressas pelo candidato”.

Nervosismo é sinal de…

Um cuidado que o selecionador deve ter é em relação ao nervosismo, que muitas vezes pode estar sendo estimulado por ele mesmo. No entanto, em alguns casos, este nervosismo é resultante da falta de preparo do candidato em lidar com momentos de tensão e pressão.

“Outras características revelam o perfil do profissional, como a pontualidade, postura, educação, tom de voz, além da forma como o candidato reage à cada situação, ou seja, o simples ‘quebra-gelo’ que o entrevistador pode usar no início de uma entrevista pode revelar o perfil do candidato”, disse Arlete.

Conforme ela disse, com certeza as características citadas (postura, pontualidade…) são valorizadas durante a entrevista porque também são apreciadas em um ambiente de trabalho.

O que observar?

Arlete citou alguns pontos a que o selecionador deve observar durante a entrevista. Confira abaixo:

  • Analise a conduta do profissional, evitando deixar transparecer suas impressões;
  • Não faça julgamentos nem críticas;
  • Controle sua curiosidade e foque nos assuntos que ajudarão a identificar as características perante as exigências da função;
  • Atente à sua comunicação verbal, para ser direto e claro e não confundir o candidato;
  • Mantenha uma postura natural, sem deixar transparecer autoridade e acabar intimidando o candidato;
  • Prepare a entrevista, organizando as perguntas que serão feitas e sua ordem, para melhor usar o tempo do encontro.