Classes emergentes usarão décimo terceiro para dívidas e compras de Natal

Dos R$ 64,8 bilhões recebidos do décimo terceiro, 41,2% irão para as dívidas e 38%, para compras de Natal

SÃO PAULO – As classes emergentes vão usar o décimo terceiro salário para quitar dívidas e fazer as compras de Natal, revelou pesquisa do Data Popular divulgada nesta segunda-feira (6).

Dos R$ 102 bilhões que o abono de Natal irá injetar na economia neste ano, R$ 64,8 bilhões irão para as classes C, D e E.

O pagamento de dívidas ficará com 41,2% do total, o que representa R$ 26,7 bilhões do que será recebido pelas classes emergentes, enquanto as compras de Natal ficarão com 38% do total ou R$ 24,8 bilhões.

PUBLICIDADE

Despesas diversas serão o destino de R$ 7,6 bilhões do décimo terceiro das classes emergentes, ou 11,7% do total, e a aplicação em poupança e outras modalidades, o de R$ 5,7 bilhões, o que representa 8,79%.

Brasileiros
Quando analisadas todas as classes sociais, é interessante notar que quase R$ 42 bilhões irão para o pagamento das dívidas.

Outros R$ 39 bilhões serão usadas para as compras de produtos de Natal, R$ 12 bilhões irão para o pagamento de despesas em geral e R$ 9 bilhões, para aplicação em poupança ou em outras opções de investimento.