CIEE começa a oferecer vagas para trainees formados há até dois anos

Lançado no início de maio, novo programa deve contar com 500 grandes empresas parceiras até o final de 2005

Aprenda a investir na bolsa

SÃO PAULO – Tradicional instituição de fomento ao estágio curricular, o CIEE (Centro de Integração Empresa-Escola) começa agora a oferecer também o Programa Trainee, voltado para a contratação de jovens de nível superior formados há, no máximo, dois anos.

Lançado no início de maio, o novo serviço tem o objetivo de estimular a admissão de profissionais que acabam de ingressar no mercado de trabalho, permitindo “aprendizagem, maturidade gerencial, integração à cultura da empresa e desenvolvimento dos potenciais” de seus participantes, segundo informa o próprio CIEE.

De acordo com o superintendente operacional da instituição, Eduardo de Oliveira, a idéia do programa é facilitar a inserção profissional dos estudantes cadastrados no CIEE que perdem o direito de concorrer a uma vaga de estágio quando se formam. Este contingente de ex-universitários cresce a uma taxa de 30 mil pessoas por ano.

Aprenda a investir na bolsa

Oliveira afirma ainda que o novo serviço deve contar com aproximadamente 500 grandes empresas parceiras até o final de 2005. Credenciadas no programa, estas companhias receberão em seus quadros de funcionários os trainees inscritos e selecionados pela área de Processos Especiais do CIEE.

Como se inscrever

Quem se interessar pelo Programa Trainee do CIEE pode se inscrever na página eletrônica da instituição. O mesmo vale para empresas que desejam se credenciar para ofertar vagas profissionais por meio deste serviço.

Cabe destacar que os dados de estudantes recém-formados que possuíam currículos cadastrados para estágios são transferidos automaticamente para o banco de informações do novo programa. Ou seja, estes jovens já estão concorrendo às vagas de trainees.

O CIEE, que já disponibilizou o serviço de trainees no passado, mas de forma específica e ocasional, conta atualmente com cerca de 1 milhão de estudantes em seu cadastro para estágios. Em seus 41 anos de história, já inseriu mais de 5 milhões de pessoas no mercado profissional.