Jeff Bezos

CEO da Amazon é eleito pior chefe do mundo

Votação foi realizada por internet e foram computados 20 mil votos para outros nove CEOs

arrow_forwardMais sobre

SÃO PAULO – O CEO da Amazon, Jeff Bezos, foi eleito o pior chefe do mundo durante o terceiro congresso da CSI (Confederação Internacional de Sindicatos), que acontece em Berlim, Alemanha.

A conferência, que recebeu 1.500 delegados de 161 países, apontou que os trabalhadores de Jeff Bezos são tratados como robôs e sofrem uma cultura de bullying e abusos. Segundo a secretária-geral da CSI, Sharan Burrow, o poder corporativo está fora de controle.

De acordo com o jornal Gazzetta del Sud, essa foi a primeira pesquisa sobre os piores chefes das grandes empresas. A votação foi realizada por internet e foram computados 20 mil votos para outros nove CEOs que exemplificam o desrespeito dos direitos trabalhistas, assédio moral, entre outros abusos.

PUBLICIDADE

Além de Bezos, foram citados: Rupert Murdoch (News Corp), C. Douglas McMillon (Wal-Mart), Jamie Dimon (JP Morgan Chase), Lloyd Blankfein (Goldmans Sachs), Charles Koch (Koch Industries), Lee Kun-Hee (Samsung), Akbar Al Baker (Qatar Airways) e Ivan Glasenberg (Glencore Xstrata).