Adepto à agenda: saiba quais compromissos pode mudar!

Imprevistos acontecem em qualquer profissão e empresa e, quando não houver tempo para realizar atividades, não se martirize

arrow_forwardMais sobre

SÃO PAULO – Você acorda de manhã e a primeira coisa que faz, depois de tomar café e um merecido banho, é abrir a agenda. Olha seus compromissos do dia e segue ao trabalho com plena convicção de que todos eles serão cumpridos.

Pode ser que isso aconteça com você, mas é preciso saber que nem sempre o que está escrito será feito. Imprevistos acontecem e isso é normal em qualquer profissão. Por isso, não desanime.

Não se martirize

Não é somente porque você não conseguiu realizar uma tarefa naquele dia, e que às vezes nem era tão urgente, que você deve se martirizar, ou seja, se culpar por aquilo que não conseguiu fazer.

PUBLICIDADE

Se existia algo mais urgente a ser feito, sinta-se satisfeito por ter tido noção de rever suas prioridades e, se conseguiu resolver, melhor ainda: você saiu vitorioso. Afinal, mais vale conseguir superar um imprevisto do que aquilo que você já sabia que iria acontecer e que teve tempo para pensar na solução.

Seu desempenho pode cair!

Ao se martirizar você acaba por se decepcionar e, como conseqüência, seu rendimento do dia cai. Pare de pensar no que deixou de ser feito e parta para as atividades essenciais do dia: o tempo gasto com o martírio é improdutivo.

Deixe a questão de lado e pense no essencial. Para realizar seu trabalho de maneira correta e sem cometer tantos equívocos é preciso concentração, e como obtê-la se está pensando em outro assunto?

Reagende

Depois de perdido o tempo destinado àquela atividade, é hora de abrir a agenda: quando poderei realizá-la? Esta é a pergunta que deve ser feita depois de perdido o compromisso. Se não houver tempo para esperar, reorganize suas atividades para fazê-la no mesmo dia. Caso contrário, é só virar as páginas e marcar para outra data.

Adiar um compromisso não significa que você não irá realizá-lo, muito menos que você não foi competente, somente que não teve tempo para dar atenção a ele diante de tantos outros afazeres tão ou mais importantes!