Em bloomberg / carros

Porsche lança desafio à Tesla com carro elétrico de recarga rápida

A recarga é feita em 15 minutos

Porsche - Bloomberg
(Bloomberg)

(SÃO PAULO) - A Porsche apresentou um carro esportivo de quatro assentos que acelera mais rapidamente que o 911 e recarrega em apenas 15 minutos, lançando um desafio à Tesla Motors Inc. para acompanhar o ritmo.

O carro conceito Mission E chega a 100 quilômetros por hora em 3,5 segundos, superando os 4,2 segundos da nova geração do 911. O carro de 600 cavalos de potência tem um alcance de mais de 500 quilômetros e pode recarregar a bateria a 80 por cento de sua capacidade em cerca de 15 minutos, disse Matthias Mueller, chefe da unidade da Volkswagen AG, no Salão Internacional do Automóvel de Frankfurt. O supercarregador da Tesla precisa de cerca de 30 minutos para recarregar o Model S e conseguir cerca de 270 quilômetros de autonomia.

 

A Porsche e sua unidade irmã Audi estão entre as marcas automotivas de elite que estão mudando o foco para os modelos movidos a bateria em um momento em que a Tesla se transforma em uma concorrente viável. As entregas do segundo veículo da fabricante de carros elétricos, o crossover Model X, começarão no fim deste mês e há também um carro mais acessível a caminho. A empresa administrada pelo bilionário Elon Musk recebeu avaliações entusiastas pela aceleração e pela dirigibilidade do Model S, o que foi um golpe para as marcas tradicionais de alto padrão.

 

O novo elétrico da Porsche seria sua sétima linha de modelos, mas a fabricante com sede em Stuttgart, na Alemanha, não está abandonando suas raízes. No salão automotivo de Frankfurt, a Porsche lançou uma nova geração do carro esportivo 911. O modelo apresenta motores biturbo que geram pelo menos 370 cavalos de potência.

 

Compacto Macan

 

A Porsche planeja vender pela primeira vez mais de 200.000 veículos neste ano, impulsionada pela demanda pelo SUV compacto Macan, de US$ 52.600.

 

O carro conceito Mission E utiliza um sistema elétrico de 800 volts, o dobro da voltagem de outros sistemas. Isso ajuda a reduzir os tempos de recarga e reduz o peso, disse a empresa. Para auxiliar na operação do veículo, o carro apresenta recursos de rastreamento ocular e controle de gestos, incluindo o uso de hologramas que permitem que o motorista pegue aplicativos no ar, segundo a fabricante de veículos.

 

A Porsche não informou quando e se um carro baseado no Mission E seria produzido.

 

Contato