5 segredos da Profissão Trader

Muito se fala sobre os requisitos para se tornar um trader, mas ainda assim muitas das pessoas que trabalham neste mercado evitam alguns assuntos delicados, que acabam se tornando verdadeiros segredos.
Blog por Caio Sasaki  

A cada dia que passa eu conheço mais e mais traders. Alguns entusiasmados, outros quase desistindo. E a cada nova história que ouço, me convenço cada vez mais de que o sucesso e a longevidade nesta carreira só são possíveis para poucos privilegiados que atuam sob condições muito favoráveis. Por isso decidi elencar 5 pontos relevantes, porém pouco discutidos:

Sobre ombros de gigantes – assim como Isaac Newton teve uma boa orientação, grande parte dos traders bem sucedidos devem seu sucesso a algum mentor ou condições muito específicas e favoráveis. A maioria dos bons traders que eu conheço fizeram coaching, integraram grupos ou salas de operações, atuaram ao lado de profissionais já consolidados, estiveram em contato com sistemas de ponta ou ainda foram apadrinhados. Atuar sozinho, sem trocar experiências, é jogar fora uma fatia larga de probabilidade de sucesso.

Não existe a melhor técnica – aliás, muitos traders dominam mais de uma técnica justamente para se adaptarem às mudanças do mercado. E mesmo num mercado específico é possível obter resultados através de diversas estratégias distintas, como Análise Técnica, análise macro ou fundamentalista, setups e backtests, ou análise de fluxo de negócios. O que acontece é que muitos profissionais comercializam suas respectivas metodologias como a melhor solução, ou às vezes os próprios discípulos se iludem em enxergar a metodologia como a única resposta.

Custo baixo a todo custo – um trader é como uma empresa em que o presidente, os diretores, gerentes, agentes comerciais e operários são a mesma pessoa... um negócio maluco, mas ainda assim é uma empresa. E como toda empresa, os custos constituem um dos pontos mais importantes para a geração de lucro líquido. Portanto é preciso deixar bem claro que um trader precisa de baixo custo para promover sua perpetuidade. Na prática muitos cursos para investidores são ministrados por agentes que obtém receita através de corretagem, e este é um assunto evitado. Numa relação justa o trader compensa seu baixo custo com alto volume de negócios.

Todos falham – seria ilusão acreditar que um bom trader é aquele que acerta sempre. Na verdade um bom trader é bem sucedido justamente por ser um bom gestor de risco, ou seja, um bom perdedor. Por isso, antes de ganhar, é importante aprender a perder e, da mesma forma que um bom lutador possui uma defesa eficiente, para não apanhar muito, o bom trader precisa se preocupar em perder o mínimo possível. Além disso, assim como ocorre com as empresas, a maioria dos traders quebram em até 30 meses. O que isto significa? Que definitivamente não existem traders isentos de risco, embora existam formas de melhorar as atuações.

Inteligência é essencial – o conceito de inteligência mudou drasticamente ao longo dos últimos anos e hoje um diploma não é mais certeza de qualificação. Isto é bem claro entre traders, tanto é que já vi semi analfabetos se tornarem milionários enquanto sujeitos altamente graduados quebravam no mercado. Um QI elevado não representa muito se não alinhado com uma boa inteligência emocional. Logo o sucesso não está diretamente ligado a quantos procedimentos se consegue aprender, mas sim como alinhar as mais diversas habilidades com características pessoais, incluindo aspectos emocionais, comportamentais e psicológicos. E este tipo de inteligência é indispensável para um trader.

Estes poucos tópicos abordados acima podem dar a impressão de que a atividade de trader é mais complexa do que aparenta, e de fato é. Contudo, todos estes pontos estão ao alcance de qualquer pessoa, em qualquer lugar. E para fechar o ano com chave de ouro farei um webinar ao vivo e gratuito sobre o assunto no dia 16/12/2014 (terça-feira), às 17hs.

Um grande abraço e te vejo lá!

Importante: As opiniões contidas neste texto são do autor do blog e não necessariamente refletem a opinião do InfoMoney.

Deixe seu comentário

Perfil do blogueiro

É trader, formado em Física pela USP e chegou a fazer mais de 300 operações por dia na Nasdaq e na Bolsa de Nova York. Foi estrategista em instituições como Citibank, Interfloat e XP Investimentos e hoje dedica parte de seu tempo para formar traders independentes. contato@sasakitraders.com.br