Blog InfoMoney

Finanças em casa

Em blogs / financas-pessoais / financas-em-casa

4 cuidados para não exceder seu padrão de vida

  

Família
(Shutterstock)

Um dos erros que mais contribuem para o descontrole financeiro é não respeitar o padrão de vida. Costumo dizer que tem muita gente querendo comprar o que não precisa, com o dinheiro que não tem, para impressionar quem, muitas vezes, nem sequer conhece. O tal do status vem causando verdadeiros estragos na saúde financeira e esse comportamento precisa ser revisto.

Muita gente tem a impressão de que o poder de compra vai cair quando decidir respeitar o padrão de vida permitido pela renda que se ganha, mas isso é porque as pessoas possuem uma inversão de significados. O que irá te fazer mais feliz: ter/fazer coisas da moda e acumular quantidade de itens básicos do dia a dia ou alcançar grandes objetivos que vão de fato agregar valor à vida?

 

1-    Elimine os excessos

Se as contas não estão fechando, reveja itens básicos, como moradia, transporte e lazer. É possível que a prestação/aluguel da residência e o custo de vida no bairro estejam altos. Em relação ao carro, é preciso cuidado para que a despesa mensal (com prestações, seguro, combustível etc) não ultrapasse 2% de seu valor de tabela.

Ao escolher opções de lazer e viagem, é comum desejar o mesmo que amigos e familiares. É importante orçar, planejar e poupar mensalmente para conquistar esse sonho, evitando se endividar. É preciso conhecer e respeitar a sua situação financeira.

 

2-    Estabeleça metas

Parece estranho dizer que as pessoas que possuem problemas com gastos excessivos devem ter mais sonhos, mas a verdade é que quando temo objetivos de vida bem estabelecidos e traçados, focamos mais na realização destes e acabamos gastando menos com supérfluos e excessos.

O sonho pode ser a compra de algum produto específico, uma viagem, a troca do carro, a aposentadoria tranquila, enfim, são seus sonhos e metas, você é quem decide.

 

3-    Conheça seus números

Se a conta não está fechando, é preciso saber o quanto realmente ganha e o quanto gasta mensalmente. E, mais importante, saber que seu padrão de vida não deve ser baseado no quanto ganha e sim no saldo após poupar para conquistar seus sonhos.

Para não se perder nesse processo, tenha planejamento. Saiba exatamente quanto custa cada um dos seus sonhos em quanto tempo conseguirá realizá-los e quanto poupará mensalmente para eles. O saldo deve ser considerado o seu real padrão de vida.

 

4-    Tenha dinheiro guardado

Para manter seu padrão de vida, é importante ter uma reserva financeira para imprevistos – sejam eles positivos ou negativos. Assim você evita recorrer a empréstimos, cheque especial e outras formas de endividamento quando gastos inesperados surgirem.

Sem contar que ter uma reserva financeira para imprevistos é uma segurança para realizar seus sonhos e metas, já que, caso uma emergência aconteça, não precisará usar o valor guardado para conquistar o que tanto sonhou.

Importante: As opiniões contidas neste texto são do autor do blog e não necessariamente refletem a opinião do InfoMoney.

 

perfil do autor

Reinaldo Domingos

Reinaldo Domingos é presidente da Abefin (Associação Brasileira de Educadores Financeiros), autor de vários livros e criador da Metodologia DSOP de Educação Financeira.

Quer dicas exclusivas?

Preencha os campos abaixo e receba dicas e conteúdos exclusivos do blog Finanças em casa

Contato