A regra dos 50-15-35 se aplica a mim?

Como uma regra simples pode te ajudar a equilibrar sua vida financeira.
Blog por Thiago Alvarez  

Meu primeiro post neste blog tratou da regra dos 50-15-35. Depois de fazer mais de 40 mil consultorias consegui perceber um padrão muito claro naquelas pessoas que conquistam sua liberdade financeira. Essas pessoas costumam alocar 50% de sua renda para gastos essenciais e relativamente fixos (moradia, transporte, mercado, saúde e educação); 15% são alocados em prioridades financeiras (aposentadoria, investimentos); e os 35% restantes vão para despesas relacionadas a seu estilo de vida (lazer, restaurantes, viagens, etc.).

Recebi muitas perguntas sobre essa regra. A primeira que respondi em post recente foi sobre como seria possível saber e controlar seus gastos para seguir os 50-15-35.

Também recebi perguntas de pessoas que dizem economizar muito mais ou muito menos do que 15% da renda. Então resolvi escrever este post para essas pessoas que, de uma forma ou de outra, não seguem essa regra.

Economizo MENOS que 15% da minha renda

Abaixo está um gráfico que elaborei com base nos microdados da Pesquisa de Orçamentos Familiares do IBGE. Fiz um corte para pegar apenas pessoas com renda familiar maior que R$3.000,00.

O gráfico mostra que, em geral, as pessoas não economizam muito entre seus 20 e 40 anos. Isso acontece por dois motivos. Primeiramente porque a renda só atinge seu ápice por volta dos 50 anos de idade, resultado da produtividade e de acúmulo de patrimônio que gera renda. O segundo motivo é que entre os 20 e 40 anos, as pessoas começam a montar suas famílias e isso eleva significativamente os gastos, por um período em que ainda estão se desenvolvendo profissionalmente – e criar filhos não é barato.

Então se você tem entre 20 e 40 anos e está formando uma família, provavelmente está dentro desse padrão brasileiro. Mas não significa que isso seja saudável para sua vida financeira. Pessoas com uma vida financeira equilibrada seguem a regra dos 50-15-35. Criei o GuiaBolso.com justamente para ajudar pessoas que querem quebrar esse padrão e buscam maior controle de suas finanças.

O que aconteceria se essas pessoas da Pesquisa de Orçamentos Familiares seguissem a regra dos 50-15-35? No gráfico abaixo, fiz uma simulação simples, e elas teriam acumulado 4 milhões de reais a mais que o padrão. Além disso, elas evitariam os altos e baixos financeiros, que causam muito stress numa vida familiar.

Economizo MAIS que 15% da minha renda

Meus parabéns! Fico muito feliz em saber que você consegue fazer isso. Se você é uma pessoa que está entre os 20 e 40 anos, melhor ainda. Não só pela raridade, mas também porque esse dinheiro, se bem aplicado terá muito tempo para render.

Se ainda não começou a formar uma família, economizar mais que 15% talvez seja mais fácil. Então se lembre de manter essa disciplina quando começar a criar sua família.

Importante: As opiniões contidas neste texto são do autor do blog e não necessariamente refletem a opinião do InfoMoney.

Deixe seu comentário

Perfil do blogueiro

É fundador do GuiaBolso.com, um site de controle financeiro automático e gratuito. Foi consultor da McKinsey & Company. thiago@guiabolso.com.br