Minha Casa Minha Vida – Passo 2: Procedimentos

Para financiar um imóvel no Programa Minha Casa Minha Vida, o procedimento é bem parecido com o de financiamentos comuns da Caixa Econômica Federal. No entanto, é importante que o comprador esteja ciente de todos os documentos a serem entregues e de cada fase do processo, para que tudo se resolva de forma positiva.
Blog por Andressa Valli  

O corretor de imóveis vai te assessorar e instruir da melhor maneira possível, mas estando desde já com os documentos em ordem, é mais fácil e rápido liberar o financiamento do tão desejado imóvel.

Anote todos os documentos necessários:

  • Documento de identificação (Carteira de identidade ou habilitação com validade e em perfeitas condições)
  • CPF
  • Comprovante de renda (ideal que seja dos seis últimos meses);
  • Comprovante de estado Civil (certidão de nascimento ou casamento);
  • Comprovante de residência (quanto mais recente melhor, com no máximo 60 dias da expedição);
  • Declaração do IR completa e recibo de entrega (caso seja isento a agência. fornece um formulário para que o cliente faça a declaração)

Recomendações para detalhes que geralmente complicam o processo:

  • Verificar todos os documentos, conferir atentamente nomes de solteira (o) e casada (o).
  • Caso você tenha se casado ou divorciado e tenha adicionado/alterado nome de solteira (o), recomenda-se comparecer à CEF com RG, CPF e Carteira de Trabalho, comprovante de endereço e certidão de casamento, todos já com os dados atualizados, para atualizar/alterar o nome do PIS e FGTS. O formulário necessário pode ser obtido clicando aqui.
  • Para atualizar os documentos (RG, Carteira Nacional de Habilitação e outros), recomenda-se procurar o Poupa Tempo mais próximo.

Estando com todos estes documentos em ordem e à mão, não havendo nenhuma pendência financeira em seu nome e estando dentro dos parâmetros que citamos no primeiro artigo de nossa série: “Minha Casa Minha Vida – Passo 1: Regras do Programa“, o corretor dará encaminhamento ao seu processo.

Lembre-se: o corretor é um grande aliado e, portanto, seja transparente com ele. É do interesse dele que você consiga conquistar sua casa própria.

Fonte: BlogDaLux.com.br – Informações Técnicas: Guilherme Ostrock, advogado do escritório Ostrock & Sanches Sociedade de Advogados

Link da postagem: http://bit.ly/1IhOMLR

Importante: As opiniões contidas neste texto são do autor do blog e não necessariamente refletem a opinião do InfoMoney.

Deixe seu comentário

Perfil da blogueira

É publicitária, pós-graduada em relações públicas e gerente comercial de uma das maiores imobiliárias do país. contato@blogdalux.com.br