Em bancodobrasil

BB e Previ vendem fatia na Kepler Weber por 25% a mais do que a empresa vale na Bolsa

Companhia está cotada a R$ 17,50 na Bovespa, mas banco e fundo de pensão alienaram a fatia de total de 34,93% por R$ 22,00 cada papel; empresa deve deixar a Bolsa

agência Banco do Brasil 2
(Divulgação)

SÃO PAULO - O Banco do Brasil (BBAS3) informou que sua subsidiária de investimentos acertou a venda de toda a sua participação de 17,45% na Kepler Weber (KEPL3) para a norte-americana AGCO do Brasil por R$ 22,00 cada ação. O valor é 25% maior do que a Kepler Weber está cotada em Bolsa - os papéis da fabricante de implementos agrícolas fecharam a última quinta-feira (9) valendo R$ 17,50.

A AGCO, dona da marca Massey Ferguson, afirmou que pretende lançar uma OPA pelas demais ações da Kepler Weber para cancelamento de registro de companhia aberta. O preço por ação será os mesmos R$ 22, o que avalia a Kepler em R$ 579 milhões.

Além do Banco do Brasil Investimentos, o Previ (fundo de pensão dos funcionários e ex-funcionários do banco) também alienou toda sua participação na companhia que atende o agronegócio para a mesma AGCO. Somando a fatia do Previ com o BB, chega-se a 34,93% do capital da Kepler - o que equivale a 9,2 milhões de ações KEPL3.

Com o preço de venda de R$ 22,00 por ação, a venda levantará R$ 202,2 milhões. O montante é cerca de R$ 40 milhões a mais do que se a venda fosse feita ao preço que as ações da Kepler valem hoje em Bolsa (R$ 160,8 milhões).

Vale mencionar que a última vez que Kepler Weber foi cotada a R$ 22 no mercado de ações foi em agosto do ano passado.

Segundo o comunicado enviado ao mercado pelo BB, o valor da venda não terá impacto relevante no seu resultado e a efetivação do negócio depende de condições contratuais e aprovação dos órgãos reguladores.

 

Contato