Em agrencolimited

Agrenco anuncia ao mercado a demissão de 85% de seus funcionários

Companhia não obteve sucesso em processo de recuperação judicial e encerrará as atividades de suas duas fábricas no Brasil

SÃO PAULO – A Agrenco (AGEN11) informou nesta quarta-feira (16) que irá demitir cerca de 85% de seus funcionários, por conta das dificuldades financeiras pelas quais atravessavam a empresa em meio a seu processo de recuperação judicial.

A diretoria executiva e o conselho de administração da companhia reportaram em comunicado ao mercado que os funcionários remanescentes irão se dedicar somente às funções administrativas e que suas duas fábricas – Alto do Araguaia e Caarapó – terão as atividades suspensas.

"Neste comunicado ao mercado registramos nossos sinceros agradecimentos à todos os funcionários desta companhia que se empenharam com tanto afinco na busca da reestruturação", afirmou a empresa em nota.

 

Contato