Investidores continuam aplicando na poupança, mostra prévia de captação

De acordo com dados do BC, a captação líquida da caderneta de poupança ficou positiva em R$ 4,23 bilhão do dia 2 até 19 de julho
Por Gabriella D'Andréa  
a a a

SÃO PAULO – Os investidores continuam procurando a caderneta de poupança, mesmo com as novas regras de rentabilidade e com a taxa Selic em um patamar mais baixo (atualmente em 8% ao ano). De acordo com dados do Banco Central, a captação líquida (diferença entre depósitos e saques) da caderneta de poupança ficou positiva em R$ 4,227 bilhão do dia 2 até o dia 19 de julho.

Segundo o BC, foram efetuados R$ 69,991 bilhões de depósitos e R$ 65,764 bilhões de retiradas neste período.

No mês de junho, a captação ficou positiva em R$ 5,115 bilhões, resultado de R$ 98,845 bilhões de depósitos e R$ 93,729 bilhões de retiradas ocorridas no período de 2 até 29.

Mudança nas regras
Desde o dia 4 de maio passaram a valer as novas regras de rentabilidade da aplicação: toda vez que a Selic (taxa básica de juro) estiver em 8,5% ao ano ou menos, a poupança passa a remunerar seus aplicadores com 70% da Selic mais TR (Taxa Referencial). Se a Selic estiver em mais de 8,5% ao ano, permanece a regra anterior: TR mais 0,5% ao mês.

Na última reunião do Copom (Comitê de Política Monetária), encerrada no dia 11 de julho, a taxa foi para 8% a.a. De acordo com o Ministério da Fazenda, com a Selic neste patamar, o rendimento mensal da poupança fica em 0,46% mais TR.

Deixe seu comentário