Em onde-investir / acoes

3 dicas para ajudar seus filhos a tornarem-se milionários

Começar a investir cedo é importante para ajudar no futuro de seus filhos

SÃO PAULO – Garantir que os filhos tenham um futuro financeiro tranquilo é uma das grandes preocupações da maioria dos pais. Mas como garantir que seu filho não passe por apuros financeiros e também tenha chance de se tornar um milionário no futuro? A colunista Gerri Detweiller do site Business Insider lista três maneiras de fazer seus filhos, ou até os seus netos, tornarem-se milionários.

1 – Comece cedo, com o quanto conseguir
A colunista cita o caso dos Connoly, uma típica família norte-americana. Os pais tinham quatro filhas e escolheram investir em uma empresa para cada uma: Coca-Cola, IBM, Johnson & Johnson e Kellogg’s. Todas as companhias tinham histórico de pagar bons dividendos, que eram reinvestidos automaticamente. Eventualmente o casal colocava mais dinheiro - geralmente algo entre US$ 10 e US$ 50.

Eles pararam de investir quando nasceram as primeiras netas, mas o pouco dinheiro aplicado regularmente por sete anos resultou em cerca de US$ 35 mil para cada filha -  e o valor continua crescendo.

A estratégia foi bem simples: comprar uma ação e investir com regularidade, mesmo em pequenas quantidades e, quando os dividendos eram pagos, automaticamente reinvesti-los. “Um investimento de US$ 25 por mês em apenas uma companhia pode crescer para cerca de US$ 1,5 milhão em 62 anos, até que seu filho – ou neto, chegue na idade da aposentadoria”, explica o site DirectInvesting.com fundado por Vita Nelson, que publicou por anos uma newsletter que inspirou os Connollys a investir em ações de dividendos.

É claro que os investidores precisam entender que mesmo as ações de empresas conhecidas e que pagam bons dividendos terão flutuações em seu valor ao longo do tempo e que isso não pode influenciar nos seus objetivos de longo prazo: você deve comprar ações tanto quando o preço está em baixa quanto quando está em alta.

2 – Ajude seus filhos a desenvolver o hábito de poupar
“Na minha opinião, a principal lição que um pai pode dar para seu filho é mostrar a importância de poupar”, afirma Sam X Renick, autor de músicas e livros para crianças. Ele lista alguns benefícios de ensinar os filhos a construir uma poupança:

- O hábito de poupar estimula e ensina a ter disciplina e a pensar no longo prazo.

- Poupar coloca as crianças no caminho para a prosperidade e ajuda a associar dinheiro com outros hábitos, diferente de gastar.

- Ajuda a estabelecer objetivos, que também cria confiança e autoestima. Se você quer ser rico, é melhor aprender a estabelecer metas.

“Se os pais não falarem da importância de poupar, investir e construir recursos, por que uma criança acharia isso importante?”, pergunta Renick.

3 – Faça com que o hábito de poupar e investir sejam divertidos
Se a ideia de ensinar seus filhos a poupar e investir soa tão divertida quanto tentar fazê-los comer cinco tipos diferentes de vegetais todo dia, não desista. Há outras maneiras de passar a mensagem sem fazer com que as crianças 'façam careta' em resposta.

Existem muitos livros e jogos que você pode usar para ajudar seus filhos a aprender os conceitos básicos de poupança e investimentos. É possível achar inclusive músicas e livros de exercícios para as crianças na internet de graça. Também é uma boa ideia introduzir a noção de crédito e mostrar para elas como usá-lo com responsabilidade.

Contato