Em negocios

Empresa de "terapia online" triplica receita em 1 ano

Rui Brandão abriu o Zenklub em 2016 e site cresce em média 30% ao mês 

Rui Brandão
(Divulgação)

SÃO PAULO - Rui Brandão criou o Zenklub em fevereiro 2016. A plataforma, inovadora, oferece vídeo-consultas com psicólogos através da internet, sem necessidade de comparecer a consultórios.

Se a ideia parece curiosa, os dados estão a favor de Brandão. No Brasil, 5,8% da população sofrem com este transtorno mental, segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS) em 2015. Os números confirmam: desde o início, o negócio triplicou sua receita em um ano.

Formado em medicina, aos 26 anos Brandão desistiu da residência em Cirurgia Vascular para abrir um negócio próprio na área da saúde. Ele teve uma motivação: sua mãe sofreu de crises de ansiedade graves, chamada de síndrome de Burnout. 

Em entrevista ao InfoMoney, ele contou que, a partir da experiência com a mãe, percebeu a importância de simplificar a forma como as pessoas cuidam ativamente da sua saúde emocional. “Precisamos facilitar a forma como as pessoas encontram o psicólogo adequado e inserir as consultas na sua rotina semanal”, afirma. Ele entende que o tabu e preconceito em torno de problemas de saúde mental ainda existe, mas acredita que seu negócio realmente ajuda as pessoas. Mais de 60% dos seus clientes nunca tinham consultado um psicólogo, embora sentissem que precisavam.

O negócio atua em uma área pouco explorada, mas que merece atenção. Isso porque se olhamos para o mercado americano nos últimos anos o investimento em empresas na área de saúde mental e emocional aumentou de US$ 20 milhões em 2013) para US$ 200 milhões em 2016, segundo um estudo desenvolvido pela consultoria CB Insights.

Como funciona

A plataforma é online. Os clientes podem acessar o site, escolher o psicólogo com que mais se identificam por meio da descrição do currículo, das especialidades e do vídeo de apresentação do profissional. Depois basta escolher o horário disponível e agendar a consulta, que funciona ao vivo como uma espécie de FaceTime na própria plataforma. Os custos da sessão variam de R$ 80 a R$ 200, com durações de 50 minutos.

Brandão explica que são 30 segundos, contabilizados desde o momento em que o cliente escolhe o psicólogo até ao momento em que se inicia a consulta. Hoje, a plataforma conta com mais de 100 psicólogos disponíveis, inclusive profissionais especializados em libras e faz cerca de 500 consultas por mês. O objetivo é que até o fim desse ano, 1 mil consultas sejam feitas.

Para montar a equipe de profissionais é realizada uma análise curricular. O especialista precisa ter mais de 3 anos de experiência na área, pós-graduação, especialização ou mestrado e experiência no atendimento online. Depois de comprimir estes requisitos, o Zenklub oferece um treinamento para os profissionais sobre atendimento na internet e em sequência já pode começar a atender.

Investimentos

Com investimento inicial de R$ 200 mil, Rui lançou o Zenklub em parceria com o sócio José Simões, formado em Engenharia de Telecomunicações da Informática. Com expectativas de vida semelhantes e perfis complementares, o médico e o engenheiro tiveram certeza de seu propósito com o negócio: tornar as pessoas mais conscientes das suas emoções para que possam tomar melhores decisões no dia a dia e viverem mais felizes.

Crescendo em média 30% ao mês desde que foi lançado, Rui viu que a terapia online era uma boa oportunidade no mercado e decidiu expandir os negócios. "Há dois meses abrimos uma unidade em Portugal. Funciona da mesma maneira, mas com profissionais portugueses fazendo o atendimento", conta. O objetivo é ganhar espaço em outros mercados para consolidar ainda mais o crescimento. 

Ele acredita que a diferença do negócio é a comodidade que as consultas online trazem. “Ganhamos ao deixar desculpas como falta de tempo ou o 'meu trabalho é longe' de lado, sem perder qualidade nas consultas. Uma prova disso é como o SUS de Inglaterra – o National Health Service - investiu esse ano mais de R$ 200 milhões na digitalização de serviços de terapia, para reduzir ansiedade e depressão na população Inglesa. Só prova como esta modalidade de atendimento é clinicamente eficaz”, afirma o médico.

Contato