Em negocios / inovacao

Neste "Tinder do recrutamento", é a empresa que procura o candidato

Plataforma é focada no que chama de "talentos do século XXI"  

Currículo
(Shutterstock)

SÃO PAULO – Recrutamento de profissionais de alto nível, principalmente no setor de tecnologia, é o foco da startup Contratado.me, que se considera uma espécie de Tinder do RH. Seus fundadores, Lucas Mendes (brasileiro) e Lachlan de Crespigny (australiano), acreditam que um dos principais problemas enfrentados pelos executivos brasileiros é justamente esse tipo de contratação.

Se enquadram nessa seleção candidatos a ngenheiros de software, desenvolvedores mobile, front-end, back-end, designers de UX/UI, profissionais de marketing online, business intelligence, Data Science, product management, consultoria estratégica e finanças corporativas.

Dentro da plataforma, candidatos realizam cadastros via LinkedIn e, basicamente, aguardam. Caso queiram, podem “turbinar” seus perfis com um vídeo e um teste técnico.

A partir da curadoria do site, as empresas receberão os perfis de que necessitam e entrarão, elas mesmas, em contato com as pessoas que considerarem interessantes. Pessoas contratadas podem, ainda, receber bonificações de parabéns.

Em 2016, a empresa diz ter faturado R$ 20 milhões em contratações. Em nota, afirmou que pretende triplicar de tamanho e em abrangência em 2017. A Contratado já está em São Paulo, na capital e em cidades do interior, e no Rio de Janeiro. Agora, quer chegar a mais três estados do Sul e Sudeste.  

Contato