Por Luiza Belloni Veronesi Em negocios / inovacao  12 dez, 2014 09h45

Conheça o serviço que te paga toda vez que fizer compras pela internet

Sistema Cashback (dinheiro de volta) devolve cerca de 10% da compra feita em diversas lojas virtuais

Por Luiza Belloni Veronesi Em negocios / inovacao  12 dez, 2014 09h45

SÃO PAULO - Já imaginou receber parte do valor gasto em compras feitas pela internet? Essa é a ideia do sistema Cashback (dinheiro de volta), que devolve cerca de 10% da compra feita em diversas lojas virtuais direto para a conta bancária do consumidor. 

No Brasil, ao menos duas empresas já se consolidaram no mercado: a Compra&Volta, lançada em janeiro de 2013 no Brasil, e a Moo.ba, que trabalha também com cupons de desconto, em operação desde novembro. Além destas, a Meliuz, Poup, Cashola e Maxximo Fidelidade também fazem parte do setor.

Elas tentam abocanhar parcela de um mercado em franca expansão no País. Só em 2013, o e-commerce cresceu 25% e alcançou quase 50 milhões de consumidores, de acordo com dados da E-bit

Os portais de Cashback funcionam como um sistema de marketing de afiliado, onde recebe porcentagens de vendas geradas para as lojas virtuais parceiras, repassando parte para o reembolso do usuário. 

A Compra&Volta tem mais de 400 lojas parceiras em todo o mundo, inclusive de e-commerces brasileiros como Lojas Marisa, Netshoes, Magazine Luiza, Fnac, Ingresso.com, entre outras. Até o final deste ano, a empresa quer atrair mais de 100 mil novos usuários no Brasil. Atualmente, ela conta com mais de 2 milhões de associados em todo o mundo. Com a mesma estratégia, o Moo.ba conta com parceiros como Polishop, Microsoft, CVC e outras 160 lojas. 

Como funciona
Para participar dos serviços de cashback, basta fazer compras nas lojas participantes e esperar que 10% do valor da compre caia na conta bancária. Na Compra&Volta, o internauta terá de pagar uma mensalidade de R$ 17 e o valor limite reembolsável é de R$ 300. 

Já no caso do Moo.ba, o site funciona como uma espécie de programa de fidelidade, mas em vez de juntar pontos para trocar por algum produto, o usuário acumula e resgata dinheiro na própria conta bancária. 

Contato