Em negocios / grandes-empresas

Os clubes de futebol brasileiros que estão livres do rebaixamento - graças às suas finanças

Conheça o "G4" do campeonato da gestão financeira dos clubes de futebol brasileiro

SÃO PAULO - Flamengo e Palmeiras são os dois clubes de futebol brasileiros mais maduros no que diz respeito à gestão financeira. O ano de 2018 confirmou este dado após um período razoável de estabilização. 

A análise é da BDO, uma das maiores redes de contabilidade do mundo, que realiza há 10 anos o estudo Análise de Mercado dos Clubes Brasileiros. O InfoMoney entrevista desta segunda-feira (14) recebeu o head da área de Esportes da BDO para falar sobre isso - a entrevista completa está no player acima. 

De acordo com Pedro, a possibilidade de rebaixamento cai consideravelmente à medida que a gestão do clube melhora. Em sua análise, há 5 ou 6 clubes que "realmente não vão ser rebaixados" a partir do nível de gestão já alcançado (essa análise é feita a partir do minuto 24:30 do vídeo). 

O carioca e o paulista estão nas duas primeiras posições em geração de receita nos números de 2017. Mas não necessariamente maior receita em 2017 significa a gestão mais equilibrada - é importante lembrar do peso da relação entre despesas e receitas em qualquer análise de gestão. 

Considerando estes fatores, Pedro cita a eficiência de clubes como a Chapecoense, cuja gestão financeira se provou sólida mesmo diante de dificuldades como a tragédia de 2016. O Grêmio também é visto como um destaque, principalmente nos últimos 3 balanços. Embora não tenham tanta receita, os gremistas conseguem gerir com grande eficiência suas operações. 

Quer investir melhor o seu dinheiro? Abra uma conta na XP.

Contato