Em minhas-financas / planeje-suas-financas

Bilionário Mark Cuban revela a “lição mais difícil” que aprendeu antes de construir sua fortuna

Bilionários também cometem erros financeiros  

SÃO PAULO – Com patrimônio de US$ 3,3 bilhões segundo a Forbes, Mark Cuban, hoje investidor no Shark Tank, também cometeu equívocos financeiros ao longo da vida. Em entrevista à Money, ele conta que a lição mais difícil que precisou aprender no caminho para seus bilhões foi ter cartões de cartões de crédito destruídos.

Dono do Dallas Maverick, Cuban explica. “Eu comprava alguma coisa pensando que seria capaz de pagá-la, mas depois não conseguia. Não sei dizer quantos dos meus cartões de crédito eu quebrei”, comenta, no que chama de “a lição mais difícil que aprendi”.

Cuban precisou aprender o mantra “a dívida não é minha amiga”. Ele passou, com o tempo, a usar o crédito apenas quando conseguisse pagar a dívida no final do mês. A taxa de juros paga em dívidas do cartão de crédito “custa muito mais do que você poderia ganhar [investindo] em qualquer outro lugar [em renda fixa]”, diz.

Nos Estados Unidos, país de Cuban, o juro do cartão de crédito chega a 30% e está, na média, em 16,6%. No Brasil, a taxa anual ficou em 301,88% ao ano em julho.

Mark Cuban
(Wikimedia Commons)

Contato