Em minhas-financas

Terceirização: economia de tempo e dinheiro. Mas será que vale a pena?

Contratar serviços de terceiros pode deixá-lo livre para se concentrar apenas nas competências de seu domínio

v class="show-for-large id-0 cm-clear float-left cm-mg-40-r cm-mg-20-b" data-show="desktop" data-widgetid="0" style="">
SÃO PAULO - Você está pensando em montar um negócio próprio e, provavelmente, por pensar que a empresa é pequena, a sua administração será relativamente simples. Engano o seu. Existe uma série de atividades inerentes aos negócios que podem fugir ao seu conhecimento, pelo menos de uma forma mais ampla. Elas até fazem parte do seu plano de negócios, mas podem não receber a devida atenção.

Neste sentido, uma dica é se concentrar nas competências que você domina melhor e pedir, literalmente, socorro a empresas terceirizadas que podem facilitar, e muito, a sua vida, desde que você, é claro, tome todas as precauções para não acabar comprando gato por lebre.

Será que vale a pena?
Uma das vantagens em terceirizar serviços, seja de informática, logística, recursos humanos, limpeza, alimentação etc, é o ganho financeiro, uma vez que você não terá que arcar com pagamentos de salários e de contribuições incidentes sobre eles. É claro que sobre a nota fiscal incidirão alguns tributos, mas em menor escala.

Terceirizar significa economizar também tempo, permitindo que os profissionais da empresa permaneçam focados nas tarefas mais essenciais e que não podem ser delegadas. Mas, para atingir os objetivos comuns, é preciso manter a atenção redobrada, pois a seleção de bons parceiros é de extrema importância para garantir os resultados esperados e agregar valor à sua empresa.

Para mensurar o desempenho das empresas terceirizadas, defina padrões que permitam uma avaliação periódica da performance com bastante rigidez. Os princípios e padrões da empresa devem sempre ser conservados e a empresa terceirizada deve ser flexível o suficiente para se adequar às normas.

Lembre-se que o consumidor final espera comprar um produto ou pagar por um serviço de qualidade. Pouco importa se existe ou não a terceirização de alguma etapa do processo. Portanto, estamos nos referindo aqui à imagem da sua empresa. É preciso deixar muito claro, quando não estiver satisfeito com eventuais procedimentos considerados falhos, que a fiscalização e monitoração existem e disto você não abrirá mão, através das orientações que serão dadas.

Difícil, mas não impossível
Não vamos iludi-lo, afirmando que terceirizar é uma tarefa fácil. Realmente o processo de escolha deve ser bastante criterioso, para preservar a reputação do seu negócio e não acabar caindo no processo inverso. Isto é, no lugar de economizar tempo e dinheiro, você acabar tendo que pagar mais pessoas para desenvolver determinadas tarefas e até mesmo criar turnos adicionais ou pagar hora extra para cumprir com prazos estabelecidos com clientes.

Alguns cuidados na hora da seleção poderão lhe dar maior segurança caso, após pesar os prós e os contras em terceirizar atividades, você realmente opte pela participação de terceiros na gestão de sua empresa. Para ajudá-lo nesta árdua tarefa de não sair no prejuízo, vamos destacar alguns cuidados básicos que podem fazer grande diferença.

Dicas para fazer a melhor escolha
Como em tudo na vida, pedir referências já é o suficiente para eliminar algumas empresas candidatas, caso a percepção dos influenciadores não seja das melhores. Quem são os clientes desta empresa? Identificá-los irá acelerar o processo de investigação que será feito por você. Isto porque, ao conversar com tais clientes, dificilmente eles se mostrarão indisponíveis para revelar a real eficiência da empresa terceirizada.

Não se esqueça de que um cliente insatisfeito tem uma enorme predisposição para acabar com a imagem da sua empresa. Já se o serviço ou produto lhe agrada, é mais difícil que saia por aí se desmanchando em elogios.

A situação econômico-financeira e o porte da empresa também devem ser considerados na avaliação, assim como as suas instalações. Não há como negar que, mesmo a empresa sendo para lá de competente, o quesito visual conta, e muito. A impressão de desordem pode espantar qualquer cliente, inclusive você.

Como não estamos tratando de mercado informal de trabalho, a empresa terceirizada deve estar habilitada para funcionar e possuir as credenciais necessárias. Quando maior for a credibilidade, melhor será a sua impressão. Pode parecer redundante, mas pesquisar pelo menos três empresas diferentes para comparar preços, prazos, condições e termos da terceirização é mais do que válido. O mesmo pode ser dito em relação à necessidade de se colocar tudo minuciosamente no contrato escrito.

Contato