Em minhas-financas / gadgets

Criador do Android lança seu próprio smartphone e promete revolucionar o mercado; conheça

Em texto publicado no site do Essential, ele anuncia que a motivação para criar o smartphone partiu do próprio Android, que criou um mundo onde ''as pessoas se tornaram forçadas a brigar contra a tecnologia que deveria simplificar suas vidas''

SÃO PAULO – Apesar de hoje ser controlado pelo Google, o sistema operacional Android não foi criado pela empresa. O responsável por sua criação é Andy Rubin – que, nesta terça-feira (30), lançou outro produto que promete revolucionar a indústria dos smartphones: o chamado Essential, seu próprio smartphone.

Em texto publicado no site do Essential, ele anuncia que a motivação para criar o smartphone partiu do próprio Android, que criou um mundo onde “as pessoas se tornaram forçadas a brigar contra a tecnologia que deveria simplificar suas vidas”.

Por isso, ele conta com algumas das características mais cobiçadas pelos smartphones atuais do mercado: uma tela de borda infinita, que contorna somente a câmera frontal; câmera frontal com 8MP e possibilidade de filmar em 4K; e o fato de ser modular, permitindo que acessórios separados do dispositivo sejam incorporados a ele – como uma câmera 360 graus, um carregador magnético. Além deste, o outro smartphone no mercado que é modular é o novo Moto Z.

As características internas do dispositivo também competem com outros que são considerados os melhores: o Google Pixel e o iPhone 7 Plus. O Essential conta com processador Qualcomm 835, memória RAM de 4 GB e armazenamento interno de 128 GB. Os materiais usados para fabricação do smartphone também são diferentes: titânio e cerâmica, que, segundo a empresa fazem com que ele seja resistente a quedas.

A princípio, ele será vendido somente nos Estados Unidos por US$ 699. Ele é mais barato, por exemplo, que o iPhone 7 Plus, cujo preço é US$ 769.

Princípios
Outra motivação para a criação do smartphone é o fato de Rubin “não gostar do estado atual da tecnologia”, em que os consumidores têm cada vez menos escolhas e recursos cada vez mais dispensáveis. “Depois de uma longa reflexão, decidi que eu precisava começar uma nova empresa usando métodos do século 21 para criar produtos para quem deseja viver no século 21. O resultado é o Essential”, escreveu.

O smartphone foi construído com base em seis princípios diferentes, listados no site. São eles:

  • Dispositivos são sua propriedade privada. Não forçaremos você a ter algo que não queira.
    Sempre vamos trabalhar bem com outro. Sistemas fechados são antiquados e divisivos.
    Materiais de primeira linha e perícia verdadeira não deveriam ser para poucas pessoas;
    Dispositivos não deveriam ficar obsoletos todos os anos, mas sim evoluir com você;
    A tecnologia deve auxiliar você a aproveitar sua vida;
    Simples é sempre melhor.
Essential Phone
(Divulgação/Essential)

Contato