Em minhas-financas / consumo

Os dois erros financeiros que impedem os millennials de atingir o sucesso

De acordo com o escritor Douglas Boneparth, autor do livro "Millennial Money Fix", os erros que cometem são básicos e de finanças simples

Millennials
(Shutterstock.com)

SÃO PAULO – A geração dos millennials é cheia de controvérsias e “problemas”, de acordo com especialistas. Um deles é na área financeira: esses jovens têm dificuldade de atingir o sucesso financeiro por conta de erros simples que a grande maioria deles comete em suas finanças.

De acordo com o escritor Douglas Boneparth, aut

  • Five friends sitting on a wall in Ibiza taking a selfie

or do livro “Millennial Money Fix”, os erros que cometem são básicos e de finanças simples – e que, felizmente, também são mais fáceis de serem contornados.

Ao Business Insider, ele explicou quais são os maiores problemas dos jovens millennials. Confira a seguir:

Falta de objetivos e direção
“Sem saber aonde você está , como você pode esperar chegar a algum lugar?”, disse o autor. Segundo o mesmo, esse é um dos problemas que mais comprometem a vida financeira dos jovens – e não basta somente identificar quais são os sonhos que têm.

Ele explica que, para contornar essa questão, são necessários três passos: antes de tudo, identificar o que desejam para a própria vida – seja, comprar um carro, comprar uma casa, criar uma reserva de economias, etc; em seguida, é necessário “quantificar” tais objetivos por tempo e valor; e, por fim, priorizá-los.

“Fazer isso permitirá que você saiba exatamente qual objetivo terá todas as suas economias”, disse o autor.

Falha no controle de caixa
A principal dificuldade dos millennials, que resulta no descontrole de gastos, é de criar um orçamento financeiro, mesmo com o crescente número de aplicativos que ajudam nesta tarefa.

Para contornar isso, explica o autor, é indispensável que os jovens listem seus gastos e os categorizem para saber para onde mais vai seu dinheiro – e, então, estabelecer um teto para cada categoria. Os passos seguintes consistem na reorganização de gastos, eliminando quaisquer excessos de gastos em categorias. “É aqui que o aprendizado acontece, pois o fluxo de caixa nos mostra a verdade de nosso comportamento”, disse Boneparth.

Contato