Em minhas-financas / consumo

Mesmo com crise, consumidor está disposto a gastar na Black Friday

Evento pode ser oportunidade para varejistas que estão com os estoques parados

SÃO PAULO – No dia 27 de novembro, acontece a Black Friday época em que as lojas oferecem grandes descontos para limpar os estoques para as festas de final de ano – e mesmo com instabilidade econômica, consumidores pretendem aproveitar a data.

De acordo com uma pesquisa realizada pelo comparador de preços Zoom, 99% dos consumidores que compraram no ano passado vão comprar produtos este ano.

A maioria das pessoas (71%) pretende comprar na Black Friday se encontrar bons descontos; os demais entrevistados (28%) afirmaram não terem dúvidas de que comprarão e apenas 1% não tem intenção de aproveitar o evento.

Apesar disto, os consumidores estão mais cautelosos, sendo que 66% dos entrevistados avaliarão se irão gastar menos por conta da crise dependendo dos descontos que encontrarem já 30% deles pretendem efetivamente pisar no freio nas compras e apenas 4% afirmam não terem a intenção de diminuir os gastos esse ano.

A expectativa de tíquete-médio para a data continua a mesma do ano passado, pois 57% dos respondentes têm intenção de gastar mais de R$ 1.000 e 27% pretendem investir de R$ 500 a R$ 1.000.

Os produtos mais desejados são celulares e smartphones (57%), TVs (43%), eletrodomésticos (33%), eletro portáteis (29%) e notebooks (27%).

De acordo com o diretor executivo do Zoom, Thiago Flores, para o varejo, o evento desse ano tem ainda mais peso, já que será a oportunidade dos lojistas liquidarem seus estoques, uma vez que o ritmo de crescimento do e-commerce desacelerou no primeiro semestre desse ano.

Black Friday
(Divulgação)

Contato